Road to Slammiversary #5- "Dois combates do evento XI"

Daqui a cinco dias, o segundo maior Pay-Per-View da TNA completa 11 anos de existência. Em todo este tempo presenciamos ótimos e não tão bons espetáculos. Excelentes combates e talvez nem tantos, mas este artigo focará nos 10 melhores combates realizados no Slammiversary.

Desta vez teremos não um combate, mas sim DOIS! já que o Slammiversary de 2013 nos proporcionou esta oportunidade, sendo este em minha opinião o último Slammiversary construído de forma consistente, com storylines para cada combate, bons combates e uma boa crowd.


Gail Kim vs Taryn Terrell - Last Knockout Standing



Não há nada do que dizer deste combate do que excelente, para quem diga que mulheres não são boas wrestlers, esta é só uma das milhares opções disponíveis para mostrar o contrário. Nesta época, Gail Kim era ''heel'' e perseguia a então árbitra Taryn Terrel, que atuava como ''face'', o conflito acabou atingindo um ponto onde em um combate de Gail Kim em que Taryn era a árbitra, Taryn esqueceu do combate e atacou Gail, custando a vitória e o cinturão das Knockouts. A conflito das duas continuou e Brooke Hogan agiu, colocando Taryn para ser efetivamente wrestler e não mais árbitra, culminando em um Last Knockout Standing no Slammiversary entre ela e Gail Kim. Este combate durou um pouco mais de 9 minutos, mas é quase impossível perceber que foi curto, devido a intensidade do combate, Gail Kim levou o combate em suas costas com seus ''spots'' impressionantes, sem dúvida, mas vale falar que Taryn sempre foi mostrada na feud como alguém fraca em ringue e ao entregar uma excelente luta, impressionou todos que ela podia sim, ser uma boa wrestler. Mais 3 minutos e esta teria sido a MOTN sem nenhuma dúvida, que tomaria o posto do combate que vem a seguir. Os principais ''spots'' do combate foi o ''Crossbody'' de Taryn para Gail Kim sobre uma cadeira, Gail Kim errando um ''Corner Spear'' indo direito a uma cadeira e o brutal ''Cutter'' de Taryn sobre Gail, saltando para fora do ''stage'', um ''spot'' que faz o público delirar.


Kurt Angle vs AJ Styles
          

Ótimos combates e Kurt Angle/AJ Styles é pleonasmo, difícil é achar alguma que não seja dos 2, mas este combate foi a MOTN do Slammiversary e o último Kurt Angle vs AJ Styles que a TNA pode proporcionar em um show televisionado.

Não se pode dizer que houve exatamente um ''face'' ou um ''heel'' nesta feud, AJ Styles estava com um personagem diferente na época, arrisco dizer um dos melhores, já que encaixou perfeitamente nele, um personagem sombrio, que não fazia parceria com ninguém e parecia não se importar com a empresa, esta vivia em ''storyline'' uma guerra contra a facção Aces & Eights, e não importava o que Angle ou Bully pediam, Styles se recusava a se unir ao time TNA ou ao time Aces & Eights, esta atitude foi irritando Angle, o que levou a uma grande ''brawl'' entre os 2. Hulk Hogan então marcou um combate entre os 2 no Slammiversary.

Este não foi o melhor combate entre os 2, mas sem dúvidas um excelente combate, trabalhado como sempre, Styles sendo o lutador técnico e ágil, usando de sua agilidade para acertar Angle. Angle por sua vez, foi o ''Suplex Machine'', acertando Styles com uma variedade de ''suplexs'', ''Angle Lock'' e ''Angle Slam''.