TNA vende parte de sua videoteca

A produtora AO1, Billy Corgan e o estado de Tennessee entraram com um processo contra a TNA Wrestling recentemente. Além disso, a empresa deve pelo menos US$ 3,4 milhões de dólares para a Aroluxe Marketing e The Fight Network, entre outros. O problema se estendeu de tal maneira que é complicado que uma empresa decida comprar a empresa de Dixie Carter, a menos que queria pagar suas dívidas. Além disso, a TNA já vendeu parte de sua videoteca para a The Fight Network.

A próxima quinta-feira pode ser um dia muito sofrido para a TNA. Há uma audiência marcada e a demanda será revelada. Existe muita preocupação pelo o que acontecerá já que muitas pessoas relacionadas a empresa vejam um futuro muito negro depois dos úlimos acontecimentos que envolveram a empresa. A TNA gravou vários programas que serão transmitidos na POP TV até dezembro. O único episódio que não foi gravado é o Total Nonstop Deletion, programa especial que será realizado ao redor da casa dos irmãos Hardy. A TNA precisa de dinheiro para tal gravação, assim que a realização do show está ainda no ar.

Algumas pessoas próximas a TNA se questionam se Dixie Carter deveria ter vendido a empresa para Toby Keith há alguns anos atrás quando a mesma teve a oportunidade de fazer isso. Keith queria entrar no pro-wrestling mas Bob Carter queria manter sua filha no comando da empresa. Keith não queria ver Carter na televisão e o acordo fracassou.

Diego Ceratti: Também com o cargo de administrador, é responsável por boa parte do conteúdo que se encontra aqui, tanto em notícias, coberturas, além de fazer parte do pessoal que cuida do HOW Apostas, um dos principais espaços do site. - Facebook