2016 em 16 momentos #2 - O fortalecimento das "alternativas"

Fala galera, tudo certo? Aqui é o Justt trazendo o segundo texto do nosso especial de fim de ano: o 2016 em 16 momentos. Nesta edição iremos saber o que o Vitor Alves, da NBO Wrestling, tem a recordar desse ano no pro-wrestling.

Sei que muitos daqui já conhecem a NBO, mas não custa deixar o link do canal deles no fim do post. Então sem mais delongas, é com você Vitão...

MOMENTO #2: A ascensão da cena independente mundial perante a WWE

Não é novidade a ninguém que a WWE, nos últimos anos, tem usado o cenário independente para construir suas novas estrelas de topo, atualmente contamos com diversos nomes que já eram consagrados na cena indy antes mesmo de embarcar no barco da WWE. Apesar disso, a WWE sempre tentou “esconder” grande parte do passado destes lutadores, ou talvez, minimizar os feitos anteriores deles para que ressaltem suas conquistas na empresa de Stamford.

Em 2016 algo interessante aconteceu, desde o debut de AJ Styles no Royal Rumble deste ano, a WWE tem utilizado cada vez mais referências externas ao Performance Center ou NXT, tal como citar seus dois reinados como IWGP Heavyweight Champion, além disso, a relação da WWE com empresas independentes tem se tornado cada vez mais próxima, o maior exemplo disso é a EVOLVE Wrestling, que indiretamente, é o “NXT do NXT”, onde alguns atletas ativos na empresa já tem relação direta com a WWE, tais como Drew Gulak e Tony Nese.
Resultado de imagem para aj styles njpw 2016

Outro ponto destacável foi a “Liberdade” maior dada aos lutadores recém contratados em concluir suas datas em shows indy, algo que foi bem latente com Samoa Joe ao seu início, por fim o Networking que estão adquirindo é algo notável também, onde lutadores aparecem em empresas para promove-los perante tal público, exemplo disso, Finn Balor na ICW e na OTT em sua terra natal, Irlanda.
Resultado de imagem para finn bálor icw


Em suma, este foi um ano em que a WWE, de forma até surpreendente, e bastante visionária, utilizou-se de todos os métodos possíveis para promover sua marca e seus lutadores, isso fazendo-a até explicitar uma relação com empresas antigamente não citadas. O mundo evolui, e cada vez mais se faz difícil negar as raízes dos lutadores no roster, a WWE, de forma sábia, vem usando disso a seu favor.

Obrigado pelo espaço aqui no HOW para discutir um pouco sobre os momentos marcantes de 2016, continuem acompanhando o blog que cada dia está melhor, assim como o NBO que vem com muitas novidades em 2017!

Canal da NBO no Youtube: NBO Wrestling

Luiz Guilherme Justt: Administrador do site e aficionado pelo pro-wrestling japonês. Sigam-me em @YoungBucks4Life, as vezes falo o que penso por lá. -