Ex-executivo da WWE critica Vince McMahon e suas políticas como criativo

O ex-membro da equipe executiva e um dos principais responsáveis do cenário criativo da WWE durante 2010 e 2011, Matt McCarthy, foi recentemente entrevistado como parte do PWTorch LiveCast. Durante a entrevista, McCarthy falou sobre a política habitual de fazer os lutadores serem derrotados em sua cidade natal, o medo de tentar coisas no passado, criticando com dureza Vince McMahon por isso. Confira as declarações de McCarthy logo abaixo:

"Eu não sei, mas acredito que às vezes Vince se obceca por pequenas coisas, pelo simples fato de não querer fazer as coisas como sempre fizeram. E isso é um problema quando você tem mais de 70 anos e esteve dentro deste negócio durante toda sua vida, e viu tudo o que aconteceu nele desde a primeira fila"

"Acho que Vince não entende o poder que, uma boa atuação de um lutador em sua cidade natal, pode ser a hora de captar um novo público em sua programação habitual. E não só isso, subestimava essa possibilidade de conseguir um novo público constantemente. Do mesmo modo que ele despreza o simples fato de mostrar coisas novas as pessoas que elas não viram porque a ele parece fora de moda. Quando vejo Jack Gallagher me emociono pelo fato de não ter visto nada assim em toda minha vida, quero esse tipo de coisas, eu gosto. Há um século inteiro de filosofia na hora de acordar combates e as histórias que podem ser contadas com eles que vale a pena que sejam colocadas em prática, e falo de coisas que nós nunca vimos. Johnny Carson disse uma vez 'Não há piadas novas, simplesmente há públicos que por enquanto não as escutaram'. Às vezes você não tem que reinventar a roda, a roda é o que você necessita e está bem como está. Você não tem quer ir contra a maré porque ela foi a seu favor durante muito tempo."

"Estou falando de, simplesmente, colocar em prática o que sabemos que já funciona. Tem que examinar as situações em que estamos em cada caso, ver qual é o próximo passado que seja mais lógico a tomar e fazer algo que seja emocionante para os fãs que não puderam ver isso em um longo tempo. Existem muitas ideias que não foram exploradas ainda. Eu ouvi Kevin Nash dizer que somente existem 9 razões pela quais dois lutadores podem ter um combate, e é certo, mas seguimos aqui, felizes de ver o bom tentando derrotar o mal. Não faz falta complicar as coisas mais além disso, o wrestling é assim, deveria ser muito simples. Deveria ser simplesmente pro-wrestling, nada mais que isso, e parece que Vince McMahon não entende isso"

Durante a entrevista, o ex-executivo também falou sobre outros cenários da cúpula executiva da gigante do pro-wrestling, como o tratamento a novos talentos recém promovidos do NXT.
Tem alguma dica de notícia ou correção? Envie-nos clicando aqui!