Tammy "Sunny" Sytch deixa a cadeia e fica em liberdade condicional

Tammy Sytch, conhecida também como Sunny, deixou a cadeia nesta sexta-feira (03). Sytch deixou o Carbon County Correctional Center nesta manhã em liberdade condicional.

Sunny foi presa no mês de setembro do ano passado após violar a sua liberdade condicional. Segundo o portal PWInsider, as acusações contra ela foram posse de bebidas alcoólicas e estar sob a influência de álcool, o que constituiu uma violação dos termos de tolerância zero que ela deveria respeitar.

Apesar de nenhum detalhe a respeito aos termos de sua atual liberdade condicional vir à tona, é possível afirmar que ela terá restrições semelhantes.

A antiga manager de pro-wrestling Tammy "Sunny" Sytch foi presa por violar a sua liberdade condicional em 24 de setembro do ano passado. Segundo o Pro Wrestling Sheet, a ex-Diva da WWE foi detida às 10:30 da manhã no horário local da Pensilvânia, onde a ex-lutadora e integrante do Hall da Fama da WWE foi presa por oficiais da polícia.

Em agosto do mesmo ano, Sytch foi condenada a liberdade condicional de cinco anos, incluindo testes semanais de bafômetro por cerca de duas vezes por semana , 125 horas de serviço para a comunidade e pagar US$ 2.100 mil dólares por ter sido presa várias vezes dirigindo sob efeitos de álcool em diversas ocasiões.

Em princípio, o juiz decidiu não enviar a mesma para a cadeia se o tempo de sua condenação se converta em sessões de reabilitação. Ele também disse que ele teria tolerância zero (o que obviamente acabou não acontecendo) se Sunny violasse a condicional.
Tem alguma dica de notícia ou correção? Envie-nos clicando aqui!