Jim Ross revela que assinou um contrato de dois anos com a WWE

Durante uma entrevista concedida a emissora de esportes norte-americana, FOX Sports, Jim Ross revelou que assinou um contrato de dois anos com a WWE além de comentar como foi difícil para ele narrar um evento após a morte de sua esposa. Confira abaixo os destaques da entrevista:

Sobre a sua decisão de não decidir cancelar suas aparições durante a semana da WrestleMania:

"Eu acho que eu só sinto que eu preciso cumprir o meu fim no negócio, é apenas a velha escola, e esse sou eu, para o melhor ou para o pior. Eu não preciso de um desfile em minha honra. Não vou quebrar meu braço, como Monsoon diria, dando tapinhas nas costas. Mas a linha inferior disso é que me sinto obrigado a retribuir a essas pessoas que foram leais a mim por todos esses anos. "

Sobre comentar o último combate de The Undertaker:

"Eu não vou dizer que eu não tenho aquelas borboletas de tamanho médio, mas isso é de se esperar, estar no card na WrestleMania não é um direito. É realmente, de fato, um privilégio, e fiquei muito feliz que a WWE estendeu a mão e quis, como dizem, com suas próprias palavras, me trazer para casa. Essa conversa começou meses atrás, e minha esposa estava tão animada sobre as perspectivas e sobre o potencial de nós irmos para a WrestleMania", continuou Ross. "Ela queria vestir-se e andar no tapete vermelho do Hall of Fame, e ela queria me ouvir sendo introduzido e ver eu entrando e narrando um combate. Esse foi o seu sonho, e eu compartilhei esse sonho, que é uma das razões pelas quais eu estava tão disposto a vir aqui.
Sobre assinar um contrato de dois com a WWE: 

 "Tem um número específico de datas que eu sou obrigado a trabalhar, o que eu acho que é bom para mim, então olhe para isso desta forma: Eu tenho a minha camisa de volta. Fui trazido de volta ao time da minha casa, e minhas oportunidades na WWE, tenho certeza, serão múltiplas. Eles têm um monte de coisas em que eu posso contribuir, e eu tenho sido tão abençoado no negócio que eu fiz tantas coisas diferentes", Ross continuou. "Eu fui um administrador e um sindicante, um representante de marketing, um vice-presidente de radiodifusão, um chefe de relações de talentos. Mas a parte divertida é o que eu fiz hoje à noite.

"Eu espero ter mais essa 'parte de diversão' em missões no futuro, mas eu tenho a minha camisa de volta", reiterou. "Então, se a equipe precisa de mim para jogar, para trabalhar mais do que previsto, porque eles precisam, eu estou dentro."

Diego Ceratti: Também com o cargo de administrador, é responsável por boa parte do conteúdo que se encontra aqui, tanto em notícias, coberturas, além de fazer parte do pessoal que cuida do HOW Apostas, um dos principais espaços do site. - Facebook