O que aconteceu com os participantes do WWE Cruiserweight Classic?

Confira!

Um usuário do Squared Circle fez nesta semana uma lista para mostrar onde está e o que está fazendo cada um dos participantes do WWE Cruiserweight Classic, torneio realizado na metade de 2016 pela empresa de Vince McMahon.

Confira abaixo a lista.

Akira Tozawa: 35 combates pela WWE após o torneio;
Alejandro Saez: Nenhum combate pela WWE após o torneio e retornou as indies e NOAH;
Anthony Bennett: Nenhum combate pela WWE após o torneio e começou a competir pela CZW;
Ariya Daivari: 39 combates pela WWE após o torneio;
Brian Kendrick: 40 combates pela WWE após o torneio e foi campeão da divisão por 30 dias;
Cedric Alexander: 53 combates pela WWE após o torneio e está lesionado no momento;
Clement Petiot: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies;
Da Mack: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies como a WxW;
Damien Slater: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies da Austrália;
Drew Gulak: 37 combates pela WWE após o torneio;
Fabian Aichner: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies;
Gran Metalik: 28 combates pela WWE após o torneio;
Gurv Sihra: 11 combates pela WWE após o torneio e é um dos parceiros de Jinder Mahal;
Harv Sihra: 12 combates pela WWE após o torneio e é um dos parceiros de Jinder Mahal;
Ho Ho Lun: 11 combates pela WWE após o torneio e é o tradutor de chinês no Performance Center;
Jack Gallagher: 49 combates pela WWE após o torneio;
Jason Lee: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies da China;
Johnny Gargano: 47 combates pela WWE após o torneio e venceu o NXT Tag Team Championship com Tommaso Ciampa;
Kenneth Johnson: Nenhum combate pela WWE após o torneio;
Kota Ibushi: Nenhum combate pela WWE após o torneio e voltou a NJPW para se tornar Tiger Mask W;
Lince Dorado: 43 combates pela WWE após o torneio;
Mustafa Ali: 34 combates pela WWE após o torneio;
Noam Dar: 49 combates pela WWE após o torneio;
Raul Mendoza: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando nas indies do México;
Rich Swann: 83 combates pela WWE após o torneio e foi campeão da divisão por 61 dias;
Sean Maluta: 4 combates pela WWE após o torneio;
Tajiri: 3 combates pela WWE após o torneio mas pediu sua liberação após uma lesão;
TJ Perkins: 66 combates pela WWE após o torneio, foi o vencedor do CWC e campeão da divisão por 46 dias;
Tommaso Ciampa: 45 combates pela WWE após o torneio e venceu o NXT Championship com Johnny Gargano;
Tony Nese: 55 combates pela WWE após o torneio;
Tyson Dux: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando em indies da América do Norte;
Zack Sabre Jr.: Nenhum combate pela WWE após o torneio e está trabalhando na indys e NJPW como parte da Suzuki-gun;

Fatos importantes:
- Drew Gulak foi o participante que mais competiu em independentes após o torneio, mesmo tendo assinado com a WWE;
- Neville, atual campeão e com o reinado mais longo com o novo Cruiserweight Championship, não teve nenhum envolvimento com o torneio;
Tem alguma dica de notícia ou correção? Envie-nos clicando aqui!

Luiz Guilherme Justt: Administrador do site. Cuida principalmente da seção de Puroresu e empresa independentes como a PROGRESS e PWG, além de estar atento aos eventos da ROH e WWE. Também é um dos responsáveis pelo HOW Apostas, o principal quadro do site. -