HOW Entrevista: Sumie Sakai

Treinamento com Brasileiros

Japonesa de 45 anos de idade, Sumie Sakai ainda é um grande nome no cenário independente feminino do wrestling. Além disso, ela também já competiu no MMA e tem o recorde 2-4, sendo duas vitórias por submissão. Atualmente, Sakai compete por diversas empresas como a Ring of Honor e Stardom para cimentar seu legado.

Confira a entrevista que ela concedeu a House of Wrestling abaixo!

1. Como foi seu início no Pro Wrestling? Você teve muitas dificuldades?
R: Fui para o dojo (Japanese women's Pro wrestling company) para um teste em fevereiro de 1997. Comecei a viver no dojo em 1º de março de 1997. Eu já estava treinando Judo há muito tempo. O treinamento não foi muito difícil para mim. Mas tantas regras para aprender e a prova para se tornar uma Wrestler japonês foi algo super difícil.

"I went to Jd'(Japanese women's Pro wrestling company) dojo for tryout in February 1997. I started to live at dojo on March 1st. 1997. I was training Judo long time. Training was not too hard for me. But so many rules in order to pass the test to become a Japanese female wrestler. It was super difficult."

2. Como foi a sua primeira viajem para os Estados Unidos?
R: Eu vim para o Killer Kowalski dojo em maio de 2002. Então, eu realmente admirei o estilo de vida americano. Mas, a o estilo das mulheres americanas era muito diferente da luta profissional feminina japonesa. Meu objetivo era mudar este estilo das mulheres na América.

"I came to Killer Kowalski dojo in May 2002. So I really admired American lifestyle. But, American women's wrestling was very different than Japanese women's pro wrestling. My goal was to change women's wrestling in America."

3. Como você avalia sua carreira no MMA?
R: Eu fiz isso por dinheiro basicamente apenas para sobreviver na América. Eu realmente adorei. Quando eu treinei para a luta no MMA, gostei de toda a cena do MMA, treinamento, etc. Eu me diverti em todas as minhas lutas, muitos dos meus amigos brasileiros passaram pelo MMA.

"I did it for money basically just to survive in America.  I took my fight on a 10 day notice. I really loved it. When I trained for MMA fight, I really liked the whole MMA scene , training, etc. I had fun in all my fights many of my Brazilian friends are through MMA."

4. Você tem alguma inspiração?
R: FIT FINLAY definitivamente e Natalya da WWE.

5. Você já esteve no Brasil? Conheça o país?
R: Ainda não!!! O Brasil é o país dos meus sonhos para visitar um dia !!! Tenho muitos amigos brasileiros nos EUA !!! Espero um dia visitar.

"Not yet!!! Brazil is my dream country to visit one day!!! I have many Brazilian friends in USA!!!  I Hope one day to visit".

6. Como foi trabalhar no "ROH Supercard", visto que é um grande evento?
R: Eu amo trabalhar na ROH! Quando eu comecei a lutar nesse show, ainda havia fãs nos corredores da arena recebendo autógrafos. Fiquei honrada em trabalhar no mesmo show que Buba Dudley e Hardy Boys. Na verdade, eu disse a Buba Ray e Hardys que era uma honra.

7. Quais são seus objetivos a partir de agora?
R: Eu quero que a ROH/WOH cresça e cresça. Eu quero ser uma grande parte disso. Eu quero também trabalhar com WWE Superstars um dia, e eu quero lutar contra Alanna FINLAY (Fit Finlays Daughter) na ROH e por fim, me aposentar.

"I want ROH/WOH to grow and get bigger. I want to be a big part of it. I want WWE women's wrestlers to wrestle me at ROH/WOH one day , and I want to wrestle vs Alanna FINLAY (Fit Finlays Daughter) at ROH and the. Retire".

Sumie nas redes sociais:
Tem alguma dica de notícia ou correção? Envie-nos clicando aqui!

Patricki Chites: Também com o cargo de administrador, está com a gente desde o início do projeto e atualmente é administrador do site. Cuida da publicação de notícias, entrevistas, bem como as coberturas dos shows da WWE. - Facebook