Paige se pronuncia novamente sobre o incidente com Alberto El Patron

Outra história...

Como já noticiado aqui na House of Wrestling, o atual GFW Unified Champion, Alberto El Patron, está sendo investigado pela polícia de Orlando por violência doméstica após um incidente no aeroporto da cidade. A testemunha que presenciou o incidente, se pronunciou recentemente e deu sua versão da história, que você pode conferir clicando aqui!

Na tarde de hoje, Paige postou em seu twitter outra versão da história, que você pode conferir abaixo:
''Apenas esclarecendo a situação do aeroporto, somente para que não haja outras versões elaboradas da história. Obrigado por respeitarem nossa privacidade''. 

Abaixo está a tradução do que está escrito nos textos contidos no tweet:

''Alberto não queria que eu dissesse a história completa porque ele não queria que as pessoas soubessem e eu não queria que as pessoas soubessem que eu atirei bebida nele. Mas a história completa é: Eu recebi uma ligação dizendo que meu tio está mal. Eu estou chorando fora do restaurante. Eu entro, Alberto está me abraçando. Eu estava um pouco sensível e nós começamos a discutir por causa de um pequeno problema. Eu disse que estava indo embora e ele disse algo que eu não vou escrever aqui, e que não foi legal, e eu fiz algo que não deveria ter feito. Eu joguei bebida na cara dele porque eu estava brava. De novo, não deveria ter feito. Foi em frente a várias pessoas e eu saí. Ele me perseguiu por alguns segundos e chegaram os seguranças, a polícia e uma mulher maluca decide deixar de fazer tudo o que ela estava fazendo para nos perseguir e invadir nossa privacidade de uma forma completamente baixa. Somente pessoas 'baixas' fariam tal coisa. Enfim, era eu que estava sendo contida por agressão física (violência doméstica). Não, ele nunca encostou em mim, e não, eu não acertei ele com uma taça de vidro três vezes como a internet vem dizendo. É completamente ridículo como uma história pode sair fora de controle. Ele cheirava a cerveja porque eu atirei cerveja nele. Nada mais, nada menos. Ninguém foi preso, não há fotos de apreensão, não há acusações, nada. Aquela mulher horrível e nojenta decidiu que ela queria fazer dinheiro as custas do nosso contratempo. Eu desejo que as pessoas deem a privacidade que nós merecemos. Eu sei que nós não teremos, mas eu desejo que aconteça''.  

''E se você ouvir aquele estúpido áudio, você vai ouvir que ele disse que estaria prestando queixa contra mim. Todos dizemos algumas coisas que não queríamos quando estamos bravos''.

''Isso é tudo que eu irei dizer sobre a situação do aeroporto. Obrigado pela privacidade dessa vez''. 
Tem alguma dica de notícia ou correção? Envie-nos clicando aqui!