Impact Unscripted #4 - Apostas



Como um grande fã do wrestler que irei citar nesse artigo é até meio complicado falar o que deve ser dito e ser imparcial. Porém tentarei ao máximo, fazer o melhor possível sem ser “clubista”. Prometo.
Após essa breve introdução farei um breve resumo de quem irei tratar nesse artigo. Nascido no Brooklyn (New York,USA) em 1979 , ou seja, com 38 anos. Brandon Silvestry fez o seu debut no mundo do pro-wrestling ainda no ano de 1998, de lá para cá, já são 4 copas do mundo e ele até teve seu destaque. Teve Conquistas em praticamente todas as empresas que passou e tem um currículo invejável para muitos wrestlers do ramo, é importante destacar: 3x IWGP Junior Heavyweight, 1x PWG World Champion, vencedor do PWG BOLA (2008), 3x TNA Tag Team, 5x TNA X-Division, vencedor da NXT Season Two (se é relevante eu não sei) e campeão de duplas da FCW.

Mas então esse não é um artigo de homenagem, poderia ser se o wrestler citado em mais um exemplo de “síndrome de inferioridade” em sua carreira pediu para sair da GFW Wrestling, abandonando mais um projeto no meio (após perder o title show por conta da suspensão do El Patrón) e tendo mais um caso de rebeldia após a saída da mesma forma da WWE. Low Ki é o exemplo perfeito de grande wrestler que se limita por não ter paciência de aguardar algo melhor e mais uma vez toma uma decisão equivocada por sentir que não está sendo respeitado ao perder seu push em razão de fatores extras.

É Inegável que ele é um grande wrestler, mas que sofre por que as empresas não tem grandes planos para ele e sempre acaba perdido no limbo do mundo do wrestling, esperando mais um retorno ao Japão ou a GFW. Ainda na WWE após vencer o NXT, foi para o Smackdown (importante salientar que passou vários anos no território de desenvolvimento – FCW) e como na brand não tinham grandes planos para ele, pediu para sair sem mais nem menos. É o caso de wrestler que ao menos mentalmente é um Hall Of Fame mas que na realidade apesar de ter que ser respeitado, não é lá tão grande. Poderíamos colocar facilmente ele no hall dos injustiçados mais seu status de ex-World Champion, já não permite isso. Uma Lenda das Indys que por estar nesse nível, acredita que é top guy dos locais que se encontra e na maioria das vezes não é isso que ocorre.


Ainda é mais importante salientar que a GFW desde os tempos da antiga TNA tem a mania de apostar em nomes “problemas” em muitas tentativas frustradas de dar uma segunda chance a quem não só não merece, como também não move uma palha para conseguir esse objetivo. Até quando a empresa vai apostar em wrestlers que chegam bêbados ou drogados no show, ou wrestlers que abandonam o barco por razões pequenas ou fúteis é importante que tenham em mente que nem todos os estarão no topo o tempo todo.

LUTA DA SEMANA

Um Combate que tenho quase certeza que ocorrera no Impact Wrestling nos próximos meses pelo GFW Global. Tratem isso como uma prévia.