HOW Fantasy - RAGE (06/10/2017) - "Let the game begins!"

A HOW Network transmite está noite mais um episódio do RAGE direto de Vancouver, Canadá.

Destaques:


Em um show cheio de surpresas, o episódio do RAGE da semana passada mudou muitas coisas e deixou os fãs super animados. Batista anunciou que Pentagón Dark estaria defendendo seu titulo no Royal Rumble contra Randy Orton e CM Punk, mas com uma noticia que surpreendeu a muitos nos últimos dias, Punk anunciou pelo twitter que estava se desligando do HOW Universe deixando os fãs chocados. Com isso, Batista anunciou pela mesma rede social que o combate se tornou uma singles match. Além disso, Seth Rollins desafiou Kevin Owens durante o After RAGE por um combate valendo o United States Championship para está noite. Ainda teremos a Karl Anderson tentando explicar o seu ato na semana passada que custou o título de duplas junto a Luke Gallows e Tessa Blanchard falando sobre a Women's Champion Lana.

Confira isso e muito mais HOJE ás 19:00h(Horário de Brasília).


Cobertura:


O show se inicia no silêncio mostrando uma mensagem de CM Punk que foi noticiada no HOWUniverse:

ʻʻ CM Punk: Estou me retirando da HOW, por questões de contratos, problemas internos. Essa carreira que eu escolhi seguir exige muito, há desgates físicos e emocionais que são complicados. Homens tem propósitos, sonhos e vivem em torno disso e quando se atinge o que sonhava, nem sempre é o que se espera. Mesmo assim fui feliz, alcancei parte de meus objetivos e consolidei parte de minha carreira, porém todo ciclo tem um fim para que recomeços possam existir e hoje estou me retirando, de cabeça erguida e com novos sonhos a serem alcançados. Obrigado á todos.ʼʼ

Logo após exibir a mensagem, é tocado a abertura do RAGE ao som de "Denial".

Vamos a arena e Mauro Ranallo junto de Corey Graves nos recebem, é exibido o que aconteceu na semana passa e ele anunciam os combates que teremos hoje valendo vaga no Royal Rumble sendo Jinder Mahal vs. Elias Samson, Dynamite vs. Chris Jericho e Davey Richards vs. Goldust, e ainda Kevin Owens defendendo o United States Championship contra Seth Rollins numa Open Challenge dada pelo "Architect".

Toca "True Love" e sobre uma chuva de vaias Mike Bennett caminha ao ringue com sua esposa Maria, apesar disso ele ignora e despreza os xingamentos do público.

Bennett começa a falar ignorando as vaias: Olá Boss! Me chamo Mike Kanellis Bennett, ex-campeão americano e eterno campeão do amor, o melhor e maior nome não só do RAGE, mas também do HOW Universe. Alguém que está cansado das injustiças que ocorrem no show que está sob o seu comando, alguém que semana após semana vem aqui da o seu melhor e faz as melhores promos e mesmo assim acaba enfrentando outros cinco wrestlers na primeira defesa pelo cinturão e eliminado na primeira fase do torneio, alguém que tem oportunidades negadas e sempre observa os mesmo nomes no topo. "Sem glórias, com medo, pior do mundo e etc" sempre dominando o cenário e o milagre jogado a escanteio. Estou cansado disso e pretendo eliminar quem é o principal nome envolvido nesse esquema conspiratório. Você me atacou primeiro e nessa semana ofereci uma prévia do que irá ocorrer no próximo pay-per-view. - Bennett solta um sorriso - Que tal animal? sair da jaula ou melhor do conforto de sua sala no ar condicionado e volta ao ringue mais uma vez no próximo pay-per-view. The Animal vs The Miracle ou A Raiva vs O Amor e seria ainda mais melhor com sendo uma luta temática. Como irei te convencer para conquistar esse combate? hmmm, I Quit Match, se eu ganhar serei o #1 Contender pelo World Championship e terei o comando do show por uma noite (RAGE OF LOVE) e se você ganhar "boss" Mike Bennett irá se despedir do RAGE...

Toca "I Walk Alone" e Batista aparece na stage pra um grande pop do público, ele caminha até o ringue cumprimentando alguns fãs perto da barricada e enfim adentra o ringue onde pega um microfone. Após um tempo pensando com o público gritando "YES!"...

Batista diz: De Acordo.

Batista ergue a mão para um gesto de cumprimento a Bennett, mas este a desconfia devido aos acontecimentos, até que enfim ele aceita porém Batista não solta a mão de Bennett e o acerta com um "Spinebuster". Batista faz sua taunt e retira seu paletó onde em seguida levanta e acerta Mike com um "Batista Bomb".

Batista pega o microfone novamente: Jamais mexa com um "Animal". Se acha que vou ficar quieto olhando você me desprezando, está enganado. Estava achando ruim? era só ir embora. Arrume suas coisas antecipadamente, no Royal Rumble você será minha presa.

Batista joga o microfone em Bennett, dá uma encarada em Maria e vai embora bastante sério sobre a ovação do público.

Nos backstages, Karl Anderson está a procura de Gallows, ele o acha e pede desculpas sobre semana passada e promete que eles vão recuperar seus títulos. Gallows diz primeiro os títulos depois as desculpas.


Comerciais...


Batista estava entrando em sua locker room com seu paletó em mãos e retirando sua gravata, Edge aparece e bastante furioso começa a reclamar com ele sobre o que Reigns fez na semana passada e reclama que ele quer uma nova chance pela vaga na Royal Rumble Match. Batista manda ele calar a boca e diz que não está com paciência, ele está no combate. Edge fica com reação de surpresa enquanto Batista entra em sua sala. 


Toca "Wish You Hell" e as luzes da arena se iluminam em um azul bem forte enquanto Tessa Blanchard vai ao ringue com um microfone.

Tessa: RAGE, aqui estou! A mulher que vocês escutaram sobre. A mulher que já lutou ao redor do mundo, que moveu ondas em nome do wrestling. Eu sou a porta-voz, a luz da a terceira geração Blanchard. E o que acontecerá, é que, no Royal Rumble, eu serei a mulher que irá desafiar Lana pelo Women's Championship, e eu vou mudar todo o jogo dessa divisão. Eu sou a mulher que sozinha irá pegar a carreira de Lana, pegará a vida dela, e irá virar completamente do avesso. Olhe, Lana, no Royal Rumble, eu não sei se você sabe onde está se metendo. Muitos me perguntaram nas redes sociais durante a semana o porquê de eu decidir assinar com o RAGE. E a resposta é bem simples; essa é a minha paixão, o meu sonho! Faz bastante tempo que vocês viram um Blanchard pisar em um ringue então vocês devem ter se esquecido como nós lutamos. No Royal Rumble, eu vou lembrar vocês. Diamantes são para sempre, assim como Tessa Blanchard. Se prepare, viva bem cada manhã, dia e noite até o dia do nosso combate, porque vai ser o dia que você irá perder tudo que você roubou dessas pessoas e todo o holofote que você roubou da NOSSA divisão. Lana, quando você escutar cavalaria, você saberá que estou chegando.

Tessa estava indo embora mas a música de Becky Lynch tocou e ela veio ao ringue.

Becky: Você me venceu merecidamente, mas eu também mereço. Vamos ver se você pode derrotar duas vezes uma duas vezes Women's Champion.

Tessa aceita o combate.

One on One - Singles Match: Becky Lynch vs. Tessa Blanchard
» (13:49) Tessa vence após um "Diving Codebreaker".
Vencedora: Tessa Blanchard

Tessa comemora sua vitória no ringue até que toca a música de Lana e está aparece na stage onde fica a rir de Tessa.

É mostrado um vídeo sobre o Royal Rumble. Após, é oficializado "Batista vs. Bennett" no Royal Rumble.

Toca "Sher" e Jinder Mahal faz sua entrada.

Elias Samson vem em seguida ao som de "Drift".

▸Combate Classificatório para a Royal Rumble Match: Jinder Mahal vs. Elias Samson
» (08:34) Mahal vence com um "Modern Day Impact".
Vencedor: Jinder Mahal

Mahal comemora sua vitória ao som de "Sher".


Comerciais...


É exibido um vídeo de Bobby Roode chegando na arena antes do show começar, uma repórter o para e começa a fazer algumas perguntas.

Charly Caruso: Olá Bobby, você vem falando com frequência sobre Kazuchika Okada, porém o mesmo revida tudo oque é dito, o que você acha sobre essa facilidade que Okada tem com as palavras e essas "cartas na manga" que lhe pertencem?

Roode: Sabe, eu venho observando os trejeitos que ele tem, vejo tudo oque ele pode apresentar com um microfone em mãos e estudo isso para assim, encontrar os erros e mostrar para todos as chamadas imperfeições e mentiras que Kazuchika Okada transmite em suas falas, mas não é sempre que essa minha "divulgação" é recompensada, não não é, eles simplesmente não aceitam que o seus maiores ídolos são umas farsas, alimentadas pelo apoio que eles transmitem mesmo entando cegados por essa poeira que lhes impede de enxergar a realidade e ver que tudo oque havia sido dito para eles, não passava de mais uma ilusão, mas eu sei que lá no fundo aquelas pessoas estão desesperadas pedindo por um salvador, pedindo para que alguém venha até elas e as tire desse sonho, um sonho que logo logo, se tornará um pesadelo.

Charly Caruso: Pra finalizar, você tem algum recado para os fãs?

Roode : Eu apenas posso garantir que, uma hora ou outra, todos vocês cairão na real e descobriram quem realmente é Kazuchika Okada, e quando vocês descobrirem isso, eu estarei aqui, rindo de todos aqueles que não acreditavam, desprezando todos aqueles que se opuseram contra o verdadeiro ACE... Bem, espero que vocês tenham entendido o meu recado.

Roode pega sua mala e sai andando enquanto a repórter observa encerrando o vídeo.


Novamente, é exibido um vídeo sobre o Royal Rumble envolvendo Okada e Roode.


É exibido um vídeo de Okada sentado em sua poltrona, enquanto assiste as palavras de Roode durante sua entrevista... De repente, o televisor e as luzes são apagadas com um estalar de dedos.

Okada: - Uma risada irônica ecoa ao fundo -... Bobby, Bobby, vejo que vossa senhoria vem atribuindo com mais primor vossos discursos de fracasso frente aos pobres e inocentes que vos ouvem. Porém, todos sabem que nada mudará ou tomara um novo desfecho frente a esta guerra fria de discursos.

Okada se levanta e ascende uma lanterna frente ao seu rosto enquanto olha diretamente para câmera...

Okada: Sabe, frequentemente paro no tempo para longas e contínuas reflexões sobre o que é dito durante alguns shows, e vejo como a incapacidade do mísero ser humano em profanar algo que não é repensado com a junção entre espírito e alma me impressiona cotidianamente. Porém, Roode, saiba que como todo objeto exposto à um vácuo na inimaginável velocidade da luz, eu me mantenho constante e inabalável, sendo algo que lhe frustra diariamente por ser incapacitado de atingir.

As luzes são acesas novamente, enquanto Okada redige a lanterna ao seu bolso, e saca um baralho e começa a lhe embaralhar... Okada saca um ás de seu baralho.

Okada: Está vendo esta carta, Bobby? Prevejo que com sua sapiência, você deduza que um jogo que depende do baralho para ser funcionalizado seja impossibilitado de ser jogado sem esta bela e formosa carta. E você está correto. Isto, é este show sem minha presença. Algo insubstituível, que faz com que toda uma estrutura perca sua funcionalidade por algo tão simplório. E todos que consomem esta imenso produto, tem o conhecimento disto. É por este motivo que esta indústria mantém seu equilíbrio durante anos: Minha presença.

Okada guarda o ás novamente ao baralho e puxa um coringa.

Okada: Como todos podem observar, este desenho fixado à esta carta se assemelha ao homem que faz questão de citar meu nome durante todos os shows. Pois, sabemos como esta mísera carta é descartável, inútil e execrada da maioria dos serviços que são atribuídos a ela.

Okada acende um esqueiro e começa a queimar a carta.

Okada: Este é o seu futuro, Bobby. Queimando-se aos poucos para se tornar cinza e ser jogado as traças, caindo no profundo e escuro esquecimento.

A transmissão é encerrada com Okada rindo, enquanto a carta é exibida sendo queimada sob o chão.

Voltamos a arena, toca "Paradigm" e Dynamite vem ao ringue.

A arena fica escura e uma contagem de dez se incia, toca "Break The Walls Down" e Chris Jericho faz sua entrada para um bom pop.

▸Combate Classificatório para a Royal Rumble Match: Dynamite vs. Chris Jericho
» (15:56) Jericho vence após reverter um "Dream Street" em um "Codebreaker".
Vencedor: Chris Jericho

Jericho comemora no ringue enquanto o replay é exibido.


Comerciais...


Após uma breve contemplação entre efeitos especializados e tematizados representando momentos em que Dark se encontrava-se em estado de dor e sofrimento, a câmera retorna ao foco e lá está ele sentado em uma cadeira, logo em frente à seu título, e objetos danificados.

Pentagón: É incrível a quantidade de acontecimentos que abrangem a dinastia que reconhece-se como wrestling, um dia poderá estar no topo de uma montanha, alcançando todos os objetivos e superando todos os obstáculos notórios, e o que diferenciam estas glórias são os pequenos erros, fatores exíguos que cingem os graúdos, no outro dia, tudo aquilo que conquistou desaparece como a areia de uma ampulheta, enquanto o tempo passa. Cada dia constante, penso em uma maneira diferente, de manter-me com a aptidão necessária de manter meus atributos imutáveis, tanto quanto à brutalidade, e a resistência, e desta vez com o homem indeciso, não será diferente, apenas as maneiras que lutarei para diferenciar-nos estarão em questão. Então este foi o momento em que o Punk achou necessário partir, deve-se ter sido um evidente propósito que manifestou suas atitudes e o afastou de suas chances, era um adversário de bom calibre, espero encontra-lo novamente, e manter a imposição ao meu mundo como explícita.

Dark pega seu título, e o observa inspiradamente por alguns minutos, enquanto a tela demonstra uma cobra partida ao meio constantemente, enquanto Dark sorri ironicamente, e após segurar o título com a sua mão após enfaixa-la, continua a falar.

Pentagón: É sutil perceber e usufruir o erro de cada indecência em cada palavra sua, observe. Pode-se obter a intensidade necessária por apenas simples e meras palavras, todo dia, é uma forma ambígua de tentar desesperadamente entrar em minha mente, com seus vestígios dominantes e “letais”, mas apenas seus discursos demonstrando ser capaz o suficiente e feroz para derrotar-me, por apenas pensar que o que aconteceu na noite em que achou que o posto que sucumbi o pertencia, fez perceber que não se pode escapar de sua própria teoria e realidade, seria como uma retilínea e decente metáfora, enquanto vive em um conto de fadas que à cada dia possui um papel diferente, se depara com um ser diferente dos demais, e se propõe como superior, e após apenas cada troca de teorias e golpes, percebe que sua indecência é maior que a sagacidade, e quando nos enfrentarmos, novamente, à cada semana, será uma forma diferente de demonstrar que apenas uma alcunha, e uma frase, é ainda mais potente do que uma comparação metafórica, pois “Víbora”, cada utilização do seu veneno será em vão, pois a alma negra do “Cero Miedo” é constante, e o inferno será algo representativo, com a sua dor como protagonista.

A transmissão é cortada com efeitos escuros.

Voltamos a arena onde os comentaristas falam sobre a rivalidade de Orton vs. Pentagón. É exibido um vídeo sobre esta disputa.

Um competidor local está no ringue.

Toca "Voices" e Randy Orton faz sua entrada. 

▸One on One - Singles Match: Competidor Local vs. Randy Orton
» (00:09) O combate inicia e sem pensar, Orton aplica um "RKO" para vencer.
Vencedor: Randy Orton

Orton pega um microfone: Você falhou quando perdeu este título pra mim, e da mesma maneira fui eu a perde ele para você. No Royal Rumble será diferente, ganhei uma nova chance, sem Punk para atrapalhar, de vez irei injetar em você o veneno fatal. Você pode se esconder na escuridão Dark, mas lembre-se que os sensores de uma Víbora pode faze-lá ver no maior breu que existir. 

Orton solta o microfone e faz sua taunt, o competir que foi derrotado estava a se levantar ainda tonto, Orton então o acerta com mais um "RKO" em seguida executando sua taunt. 


Comerciais...


Fazendo seu debut no RAGE, toca "Indestructible" e Davey Richards faz sua entrada para um bom pop.

Goldust vem em seguida.

▸Combate Classificatório para a Royal Rumble Match: Davey Richards vs. Goldust
» (13:10) Richards vence com um "DR Driver I".
Vencedor: Davey Richards

Richards comemora sua vitória. O Replay é exibido.

É exibido um vídeo sobre o desafio de Rollins na semana passada.

O MAIN EVENT SERÁ AGORA!

Bastante concentrado, Seth Rollins faz sua entrada ao som de "The Second Coming".

Após alguns momentos de silêncio, no ringue Seth fica a se aquecer pensativo.

Toca "Fight" e o campeão Kevin Owens faz sua entrada para um grande pop do público. Owens parece estar tranquilo.

Greg Hamilton anuncia o combate e os lutadores.

Singles Match - United States Championship: Seth Rollins vs. United States Champion Kevin Owens
» (02:29) O combate se iniciou quente, Seth acerta um "Low Superkick" e tenta um "High Knee Impact" em Owens mas este escapa e fica assutado pela ofensiva do oponente. 

» (10:34) Owens aplica um "Cannonball Senton" em Seth seguido de um "Diving Frog Splash". Seth escapa da contagem no 2.

» (14:54) Seth escapa de um "Pop-Up Powerbomb" e acerta Owens com um "Enzuigiri" seguido de um "High Knee Impact". Seth faz o pin e Owens escapa no 2 causando uma grande reação no público.

» (18:23) Seth tenta um "Springboard High Knee" mas Owens desvia e aproveitando a oportunidade do vacilo de Rollins, ele aplicar um "Pop-Up Powerbomb" seguido de pin para vencer e reter o United States Championship.

Vencedor: Kevin Owens

Owens ergue seu título comemorando sua vitória enquanto o replay é exibido. Quando a transmissão parecia estar encerrada, toca "The Game" e Triple H vem ao ringue, ele encara Owens cara-acara e aponta pro título. A câmera pega um foco de Owens e Triple H cara a cara com Seth ao meio de joelhos a se levantar.

É mostrado Batista falando no telefone com alguém.

Batista no telefone: ...Certo. Eu mesmo irei até aí para resolver algumas coisas. Vejo você em breve, Leo.

Causando um grande reação no público, o show se encerra.

Fim do Show.




▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
✕ HOW NETWORK: After RAGE (Highlights)


➨ Karl Anderson e Luke Gallows prometem recuperar os títulos, sem CM Punk ou não.

➨ Lana diz que humilhará e mostrará que Tessa é uma vergonha pra família dela.

➨ Chris Jericho diz que no Royal Rumble tem grande nomes, mas nenhum deles com o mesmo nível de técnica igual a dele. Ele sim estará até o final do combate, e como vencedor.

➨ Renne parabeniza Owens por reter seu título. Owens fala que Seth foi um oponente difícil, e agora com Triple H de olho no cinturão será outro mais ainda. Ele chegou ao limite e está ultrapassando isso porque ele é um verdadeiro Prizefighter.


▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬



Emerson Silva: Cuida dos shows Fantasy, grande atração do site, e também é responsável pela parte gráfica do site. -