Produtora criará sua própria série de lucha libre mexicana

A produtora Aroluxe está pronta para criar uma empresa de pro-wrestling. Segundo informa o boletim de notícias do Wrestling Observer, a empresa de produção que quase comprou a TNA no passado quer criar sua própria empresa. Os irmãos Harris Ron e Don estão no comando do projeto.

Segundo informações, foi programado um casting para os dias 20 e 21 de outubro na intenção de formar um elenco para um episódio piloto de televisão semelhante ao RAW e SmackDown, mas com elementos da lucha libre mexicana. O teste indica que a experiência de atuação é necessária, pois haverá muitos segmentos nos bastidores. Tendo tanto lutadores como atores no elenco, eles desejam repetir o mesmo sucesso que Daria Cueto teve no Lucha Underground.

Aqueles que não são lutadores, devem ter experiência em atuação, habilidades atléticas e vontade de treinar. O domínio do espanhol não é necessário, mas é um ponto a favor. As provas acontecerão no Santino Brothers Wrestling Academy.

Esse projeto apresenta semelhanças com o Templo, já que a idéia por trás disso é corrigir o que eles entendem que o Lucha Underground fez errado. Segundo a visão dos produtores, a série do El Rey Network foi um bom conceito mas realizaram mal, já que se dirigiram para um público de língua inglesa. Por ser uma série de lucha libre, ela estará voltada principalmente para o público de língua espanhola e tentará entrar em uma emissora também voltada ao público latino. Na verdade, eles têm a forte convicção de que o Lucha Underground não terá uma quarta temporada e com isso ficará livre para adquirir talentos da série.

No momento, a empresa estaria interessada em contratar Vince Russo. O pensamento geral é que querem alguém semelhante a Chris DeJoseph, o roteirista principal do Lucha Underground. Segundo a visão dos produtores, DeJoseph não conhecida nada do mundo da lucha libre mexicana, mas seu trabalho foi um sucesso e queriam alguém como ele.

Dave Meltzer indica que o pagamento será em base no nível e experiência de cada um, com um mínimo de 250 dólares por dia mais viagens. O piloto será gravado em dezembro, provavelmente em Nashville com a esperança de começar em 2018 e deste ponto, criar uma empresa de pro-wrestling.

Diego Ceratti: Também com o cargo de administrador, é responsável por boa parte do conteúdo que se encontra aqui, tanto em notícias, coberturas, além de fazer parte do pessoal que cuida do HOW Apostas, um dos principais espaços do site. - Facebook