Adam Blampied é demitido da Cultaholic após acusações de assédio sexual - House of Wrestling - Tudo sobre Pro Wrestling

Adam Blampied é demitido da Cultaholic após acusações de assédio sexual

A Cultaholic Ventures LTD demitiu Adam Blampied com efeito imediato. Desta maneira, a nova empresa criada por ex-membros do WhatCulture decide encerrar sua relação com Blampied. A decisão partiu devido a uma infinidade de acusações de assédio feito por mulheres.

Blampied estava se aproveitando de seu status de pessoa conhecida na internet para pedir às mulheres que enviassem fotos nuas. Uma mulher indicou que ela foi manipulada por Adam para lhe enviar uma foto sem roupa. Adam publicou um texto no Twitter se desculpando por seu comportamento antes de ser demitido, indicando que precisa de um tempo longe da indústria. Adam admitiu que usou o seu status para solicitar essas fotos, mas nega ter ameaçado ou agredido alguém.

"Embora faltem poucos dias para o lançamento do Cultaholic, esse é um comunicado para dizer que decidi ficar um período fora do negócio para lidar com problemas pessoais por razões que eu quero deixar claro:

Quero me desculpar publicamente por minhas ações na minha vida privada durante os últimos anos. Eu falsamente disse a mulheres nas redes sociais que estava em uma relação aberta com minha namorada para assim ter contato com elas e incentivá-las a me enviar suas fotos. 

Não fiz ameaças nem ofereci dinheiro em troca, mas aproveitei minha crescente posição pública e às vezes minha amizade com essas mulheres para alimentar meu ego. Ao manipulá-las desta semana e agir sem considerar seus sentimentos, pedi essas fotos. Eu tenho violado nossa confiança e a da minha namorada. Em vez de ser feminista e aliado, fui egoísta e misógino com a desgraça daqueles que eu considero meus amigos. É um comportamento hipócrita, patético e inexcusável, então eu decidi fazer este anúncio público, para me tornar um homem melhor e espero convencer os jovens a não imitar meu comportamento. 

É minha culpa e durante meu tempo fora do YouTube, vou me concentrar em buscar ajuda profissional e seguir com as consequências de minhas escolhas e os relacionamentos que eu quebrei. Obrigado por ler isso. A todos que eu machuquei e aos que eu decepcionei, desculpe. Prometo que vou aprender com isso, e embora não desculpe o meu comportamento, serei uma pessoa melhor".

Após a informação surgir, várias mulheres no Twitter que acusaram Blampied do mesmo. Nessa situação, a empresa decidiu demiti-lo há algumas horas depois. Blampied é conhecido pelo seu trabalho no WhatCulture, no entanto, há poucas semanas atrás, quase toda a cúpula executiva abandonou a empresa para fundar a sua própria.

Sobre / Contato / Publicidade / Disclaimer / Política de Privacidade

online / Design por: Ericki Chites