HOW Fantasy - Unlocked (20/12/2017) - The Dream Has Been Broken

Vai ao ar hoje pela HOW Network mais um episódio do Unlocked, direto de Ohio, Estados Unidos.

- Esta noite teremos uma Handicap Match envolvendo Pete Dunne e Drew Galloway, mas seus adversários ainda não foram confirmados. Leonardo também acrescentou que algo estará em jogo nesse combate.

- Também é destaque a Intercontinental Championship Match entre Wade Barrett e AJ Styles, esse que conseguiu sua chance pelo título após sua breve rivalidade com Edge, que havia invadido o combate e o vencido de forma controversa. Será que teremos um novo campeão, ou Barrett conseguirá ficar mais um tempo com o cinturão?

- Hoje também teremos Cesaro vs. Christian, combate em que Leonardo parece estar muito interessado, e para a divisão feminina, teremos Paige vs. Kharma.

- Por último, mas não menos importante, teremos o retorno de Finn Bálor ao Unlocked, muito próximo do HOWniversary, mas dessa vez ele tem a companhia de Paul Heyman, que depois de muito tempo sumido, voltou como porta-voz do 'Demon King'.
Isso e muito mais à partir das 20h00 de hoje (Horário de Brasília), aqui na HOWrestling.

Cobertura:

Um vídeo promocional mostrando todos os destaques do Show é exibido. Dentre eles, é focado no Main Event, onde é anunciado que Pete Dunne e Drew Galloway irão enfrentar a Mount Rushmore!

Willian e Justt dão boas vindas ao público e falam alguns dos destaques, mas logo o telão exibe a chegada de um carro preto à arena. No capô, uma pichação anuncia quem está no comando do veículo... a Bullet Club! É hora do tão esperado retorno de Finn Bálor, finalmente saberemos sobre a preparação do wrestler para o HOWniversary, agora tão próximo.
Já dentro da arena, duas pessoas saem do carro, encapuzadas, dirigindo-se da garagem ao ringue. Toda a movimentação é exibida no telão, até que esta é interrompida e todas as luzes são apagadas. No breu, “Catch your Breath” anuncia a chegada do irlandês e de seu carrasco. As luzes piscam junto no ápice da theme song e quando acendem por completo, Finn Bálor e Paul Heyman estão no centro do ringue, anunciando o início do Unlocked desta noite!
Heyman: Senhoras e senhores, anuncio o retorno do líder da Bullet Club, meu cliente e o Demon King, Finn Bálor!
Bálor retira o capuz, provocando um pop do público de Ohio. Este repousa sob a terceira corda enquanto observa minuciosamente o discurso de seu advogado.
Heyman: Como bem sabem, venho auxiliando Bálor a espalhar a mensagem profana do rei demônio pela empresa. Ao que tudo indica, meu cliente atrai inimigos assim como atrai troféus. Eu mesmo falei por alguns destes. Conhecendo todos bem de perto, posso afirmar que nunca antes tinha testemunhado tamanho poder, como em Finn Bálor. Este foi um dos motivos que me levou a anunciar um open challenge há algumas semanas. Creio que meu cliente estar fora de ação os fez esquecer tal poder. É hora de lembrar-vos.

Bálor: Assim como Mr. Heyman vos disse, o HOWniversary está próximo e é hora de lembrar ao campeão do potencial do seu adversário. Passamos muito tempo sem resposta... Me questiono se isto está relacionado ao temor. É claro, após a nomeação no Slammy, as atenções voltaram-se a mim e soube de um desafiante. Cm Punk! - Uma reação mista do público se inicia - Soube o quão confiante é, caro Punk. Você e seu projeto de stable falho, vindos de outras terras para tentar tomar o que não lhes pertence... Também soube de suas falas incoerentes e da proporção que elas vêm tomando por aqui. É hora de curar seus cegos seguidores. O rei demônio está pronto.

Heyman: Meus parabéns, CM Punk! Ao escolher aceitar o desafio, você foi o escolhido para abrir a trilha de sangue que o Demon King trará à estas terras até que chegue a hora de subir ao trono. Você pode achar que está pronto, mas não está. Espero que pelo menos vocês estejam, Ohio. Esta noite, Finn Bálor irá lembrar a estas crianças o real significado de pro-wrestling, começando pelo falso líder.

Bálor e Heyman ficam aguardando tocar a theme de CM Punk, mas logo toca 'Coming Home' e Edge aparece no Stage. Ele aparece bastante contente, mas antes de terminar de descer a rampa, Finn Bálor tem a palavra novamente.

Bálor: Edge, seu problema é com outro membro da Bullet Club, e o meu problema é com outro membro da Mount Rushmore. Não acho que é um bom momento para diplomacia, então deixe seu "amigo" vir terminar o que ele começou no outro dia e depois, quem sabe, a gente pode ter algum combate que te coloque no mapa da relevância. Fora isso, você é um mortal desinteressante para mim.

Edge segue andando até o ringue, ele entra devagar por baixo das ropes e fica um tempo olhando Bálor do chão, mas logo ele entra, pega o microfone do Demon King e começa a falar.

Edge: Eu não preciso de motivo para responder um DESAFIO ABERTO. Homens e demônios têm algo em comum, eles sabem muito bem qual batalha escolher. Mas tudo bem, se quer que eu fale do seu grupinho estudantil, eu falo. - Edge se senta no ringue - Eu acho bem engraçado como vocês tratam tudo isso, "família" e essas coisas... Às vezes me sinto vendo uma versão sem dinheiro de Velozes e Furiosos, e das ruins. Se me permite opinar, vocês deveriam ser como nós, a Mount Rushmore: Apenas negócios, sem amizades, sem sentimentalismo. Temos apenas um objetivo: vencer. Você pode realmente achar que "protegeu" AJ quando o colocou na liderança e se afastou, mas o que você fez foi o colocar no mapa e isso chamou minha atenção. Posso não ser um demônio, ou até mesmo um lobo, mas eu senti o cheiro do seu amigo, e era medo. Medo de falhar, medo de tudo que você construiu ser despedaçado nas mãos dele, e eu senti isso quando ele te encontrou, mas logo veio o alívio dele: Super Bálor. - O público vaia - O Bobo da Corte... Perdão, Demon King, voltou e pegou o posto de volta, apenas para dar uma sobrevida ao grupinho falido pelo seu amigo. Isso seria um belo conto da Disney, mas isso será uma Rated-R Production! E sinto muito, mas no final, Seu império cairá, seus amigos irão sucumbir, e no final, sendo Mount Rushmore ou New Gen, nem mesmo o seu amiguinho demônio poderá te salvar.

Edge larga o microfone enquanto Bálor não parece muito feliz. Heyman estende a mão com o microfone a ele. Bálor pega o microfone e fica um pouco inquieto, mas logo ele responde o membro do grupo rival.

Bálor: Você queria que eu aceitasse seu "contradesafio"? Parabéns, você conseguiu. Você queria aparecer em cima do meu momento? Você conseguiu. Mas agora, esse seu esquisofrenismo e essa sua história sobre como vai derrotar meus amigos, e como vai me separar do Demon King, isso sim é algo que você vai ter que lutar muito para conseguir. Lembra de Drew Galloway? Ele lutou contra o Demônio, e sabe o que aconteceu com meu companheiro de anos? - Bálor mostra o pequeno machucado no braço - Apenas isso, mas quanto ao nosso "gigante" e ex-campeão, creio que preciso refrescar a memória de vocês. 

Um vídeo mostrando Drew Galloway mal aguentando andar após o combate é exibido. A câmera volta ao ringue onde o público gria "Finn!" sem parar.

Bálor: Parabéns, Edge. Você tem um combate, e mais do que isso, tenho que te parabenizar pois foi o primeiro a vir aqui provocar o 'Demon King' de forma direta. Você ganhou uma passagem só de ida para o Inferno.

Paul Heyman aplaude seu novo cliente, mas logo o referee aparece e o manda sair do ringue. Edge tira sua camisa e a arremessa para fora do ringue, então o referee pergunta se ambestão prontos e vai iniciar o combat-... Mas logo Edge desce do ringue e vai embora, o que deixa Finn Bálor irritado. Edge para na rampa e com um sorriso bem confiante fica olhando para o desafiante ao título dentro do ringue.

Edge: Como eu disse, homens e demônios têm algo em comum, eles escolhem suas batalhas... Mas só os oportunistas sabem acertar no ponto que mais dói: No seu ego. Eu descobri a hora de parar, que foi quando você quis começar. Nada mal para um "amigo do Punk" sem personalidade, não? Te vejo por aí, Finn.

Edge vai embora enquanto o público solta uma vaia enorme.  Logo na sequência, Bálor fala mais um pouco com o público, ele sai do ringue com Heyman e ambos vão embora, mas quando chegam na rampa, CM Punk aparece no telão para falar com ele.

Punk: Bálor, Bálor. Para um demônio, você anda bastante apreensivo, talvez porque nunca tenha brincado com alguém assim, do seu nível. Eu não tive nada a ver com essa crise de estrelismo do Edge, mas confesso que foi divertido ver ele te colocando no seu limite, você ficou louco porque ele falou do seu clubinho. Sabe, eu já te disse: Isso vai acontecer quando eu quiser, aquele ocorrido de semanas atrás foi uma mera provocação, que eu faço com todos vocês, e vocês sempre se deixam levar.

A quadro da câmera se abre e vemos CM Punk em uma rua.

Punk: Eu não estou aí,  vou deixar você curtir seu momento essa noite. Talvez eu apareça na próxima semana, talvez não. Talvez eu apareça no seu combate do HOWniversary, talvez não. Mas o que é certeza é que quando eu aparecer, o seu reinado no Unlocked como 'intocável' vai acabar, e isso é algo que eu estou louco para que aconteça. Como disse o Edge, "Te vejo por aí, Finn".

A transmissão se encerra e Finn Bálor parece bem impaciente, ele vai para o bastidores irritado, deixando Paul Heyman para trás, esse que tenta correr atrás dele.

Comerciais...
Voltando, direto para os bastidores, Edge está bem feliz nos bastidores. JoJo o aborda e para fazer uma entrevista.

JoJo: Edge, por que você fez aquilo? Atrapalhou o Open Challenge e nem sequer lutou, poderia ser sua grande chance de pinar algum Main Eventer. Você tem algum motivo especial para isso?

Edge: A única razão de eu ter feito isso foi para mostrar para todos vocês a grande inutilidade que teve esse desafio. Finn Bálor não consegue nem organizar seu grupinho e acha que tem moral para querer alguma coisa? Hahahaha. Aliás, essa briguinha besta dele com o Corbin é tão ridícula que até o retorno daquele animal castrado do Batista teve mais relevância! A Mount Rushmore não tem tempo para esses joguinhos infantis. Se querem nos intimidar, pelo menos parem de se comportar como idiotas.

JoJo: Entendo. Mas seguindo com a entrevista: CM Punk não apareceu no show novamente, você sabe de alguma coisa, se pelo menos ele planeja fazer algo? Você sabe onde ele estava essa noite?

Edge: Ele deve ter levado o cachorro pra passear, não sei. - Um silêncio toma conta - Puta merda, é isso? Você me para pra perguntar de porra de CM Punk, e ainda quer que eu te dê um GPS de onde ele está? Sinceramente, eu não dou a mínima pra essa discussãozinha dos dois, eu estou focado no meu futuro, e hoje você verá o que ele aguarda.

Edge se afasta enquanto JoJo relembra qual será o Main Event do show dessa noite.

Indo para o ringue, toca "Just Close Your Eyes" e Christian vem ao ringue. É mostrado seu desafio a Cesaro enquanto isso.

Logo depois, toca "Faint" e Cesaro vem ao ringue com uma reação boa do público.

Vamos a match!

› One on One: Cesaro vs. Christian


- (09:25) Uma bela sequência! Christian se preparava para um Spear, mas Cesaro pula por cima dele e quando seu adversário se vira ele tenta um Sharpshooter! Christian se desespera, mas consegue se livar do golpe, quando ambos estão se levantando, ele se aproveita e aplica um "Edge O'Matic"! 1.............Kick Out! Christian tenta mais um Spear, mas Cesaro o joga para cima e aplica um European Uppercut!

Christian se arrasta para as ropes e Cesaro aplica um Tiger Feint Kick e completa com um Diving Crossbody! 1............2..........Christian consegue colocar os pés nas cordas! Os dois ficam exaustos no ringue enquanto o público aplaude.

- (19:30) Cesaro está iniciando um comeback, ele começa jogando seu adversário nos corners e fazendo European Uppercuts. Christian acaba tonteando até o meio do ringue, o que abre um espaço para Cesaro aplicar um Springboard European Uppercut! Ele pega seu adversário no chão e faz repetidos Gutwrench Suplex! O público vai a loucura com a sequência do suíço. Cesaro então faz sua Taunt e prepara um Neutralizer, mas Christian se solta e o empurra em cima do referee! Cesaro fica caído ao lado do oficial e tenta acordá-lo, mas ele acaba caindo fora do ringue.

Enquanto isso, Christian desce do ringue e pega uma cadeira fora do ringue, ele volta lentamente e se posiciona para atacar Cesaro, mas no último instante o suíço se abaixa e aplica um Powerslam em Christian! Mais uma vez Cesaro se posiciona para um Neutralizer, mas Christian dessa vez o acerta com um Low Blow! Cesaro se ajoelha no ringue, o que abre a oportunidade para Christian o golpear várias vezes o seu adversário, focando principalmente em suas costas. O referee se levanta e volta para o ringue, Christian então levanta seu adversário e faz um Killswitch em cima da cadeira e faz a contagem para vencer.

Vencedor: Christian

Christian rola para fora do ringue com dificuldades, mas não comemora. Ele vai seriamente para os bastidores enquanto sua theme song toca. O referee vai ver como Cesaro está, mas esse não consegue se mexer.

Nos bastidores, Paige é vista andando por lá, se preparando para o seu combate na volta do comercial.

Vamos aos comerciais...
De volta ao show, toca 'Stars in the Night' e Paige vem ao ringue sob uma chuva de vaias, ela caminha enquanto xinga algumas mulheres do público e logo depois pega um microfone, mas não fala nada.

Nisso, toca 'Bad Karma' e Kharma aparece na rampa, ela vem andando lentamente até o ringue com o público gritando o seu nome. Ela entra no ringue e Paige se afasta. O referee vai iniciar o combate, mas ela o impede e começa a falar.

Paige: Fico feliz de você ter vindo aqui, Kharma. É muito fofo da sua parte, mesmo sabendo que você também está na minha lista, mas hoje, eu não vim lutar e sim falar de outra mulher: Mickie James. - Kharma fica sem entender - Exatamente, vamos falar dessa mulher que nunca aparece e mesmo assim se diz dona da divisão feminina. Essa mulher mesmo, que é uma fraca, que não dá valor a nossa divisão, tal como eu faço, por isso venho aqui toda noite prometendo essa limpeza para vocês, independente do que vocês achem, eu ainda estou fazendo alguma coisa para essa porra de show. - O público fica neutro - Mas vamos lá, Mickie, você ouviu minha voz no Slammy, essa casa não é sua! É mínha! Se você quiser vir aqui, venha, assim eu te mostrarei onde pessoas como você ficam, no quintal. - Kharma está impaciente  com tanta falação - Você ficou esse tempo todo ouvindo, talvez tenha entendido o meu ponto, poderia ser bom ter alguém como você do meu lad- Kharma acerta Paige com um Lariat!

O referee inicia o combate!


› One on One: Kharma vs. Paige

- (02:30) Paige fugiu boa parte do tempo, ela ficou com um microfone fazendo provocações gratuitas a Mickie, dizendo até que ela não passa de uma "marmitinha" para o Locker room. Nesse momento, Kharma a pega pelos cabelos e a puxa a força para dentro do ringue, então ela aplica um Powerbomb bem forte. Ela a levanta e aplica um Bad Karma! Ela vai para a contagem, mas a música de Mickie James toca a ela aparece na rampa, Paige rola para fora do ringue com a distração e começa a rir. O referee resolve encerrar o combate já prevendo alguma confusão.

Resultado: Sem vencedora

Mickie James entra no ringue e fica olhando Paige fora do ringue, mas logo Kharma entra na sua frente e a acusa de encerrar seu combate por besteira. As duas discutem um pouco e tudo acaba com Paige dando a volta no ringue e empurrando Mickie James em cima de Kharma! Ela rola para fora do ringue rapidamente e fica rindo. Kharma se enfurece e levanta Mickie para aplicar outro Bad Kharma, mas ela é mais ágil e aplica um Mick Kick! Ela fica olhando a gigante caída no ringue, e acaba não percebendo Paige entrando no ringue novamente, ela bate com força nas costas de James e aplica um Ram-Paige logo em seguida.

Ela pega desce do ringue e pega seu microfone, se recompõe e volta a falar com as duas.

Paige: Como eu disse, sempre tenho um plano. Boa noite, vocês vão precisar.

Ela larga o microfone e vai embora tranquilamente enquanto o público a vaia.

Uma pequena entrevista com os Tag Team Champions, The Rock e Will Ospreay. Os principais destaques foram o futuro da Bullet Club e o que eles esperam para o HOWniversary. Mais detalhes serão dados na HOW Network.

Ainda nos bastidores, Renee Young está com os entrevistados da vez, Pete Dunne e Drew Galloway!

Renee: Obrigado pela entrevista, rapazes. Antes de tudo, Galloway, o que você acha dessa parceria entre Finn Bálor e seu antigo porta-voz, Paul Heyman?

Galloway: Indiferente. Depois de tantos problemas envolvendo ele com o Punk, resolvemos encerrar a parceria de longa data. As coisas seguem, e ele está fazendo o que acha melhor.
Renee: Agora sobre o combate, o que vocês têm a dizer sobre a situação em si e os seus adversários?

Dunne iria responder, mas Leonardo entra em cena. Ele pede para Renee se afastar, porque ele assume dali. Dunne então ironiza a situação.

Dunne: Chairman, General Manager, jobber nas horas vagas... Agora até repórter? Está ficando sem dinheiro, Leonardo?

Galloway: Às vezes ele só está nos distraindo, pode vir algum anão por trás e chutar nossas coxas e o Corbin sair de dentro desse latão - ele chuta o latão - só para nos atacar.

Leonardo: Corbin nem está na arena hoje, a elite precisa de descanso. Mas é muito bom ver esse humor espontâneo, mesmo em momentos delicados. Vão precisar disso pro combate.

Dunne: E qual vai ser a estipulação? Se perderemos vamos enfrentar o Roster inteiro semana que vem?

Galloway: Ou melhor: Se perdermos vamos ficar sem receber salário?

Leonardo: Não. Se vocês perderem, Dunne se junta a lista de quem não vai ter outra chance pelo HOW Championship. - O público vaia - E então? Surpreendi vocês? Espero que sim, boa sorte no combate, Super Amigos.

Leonardo vai embora enquanto Dunne e Galloway ficam conversando sobre a estratégia de Leonardo.

Comerciais...

De volta ao show, um pequeno resumo do último segment é exibido.

Logo na sequência, toca 'Waking the Demon" e Ricochet vem ao ringue.

Logo na sequência, toca 'Worlds Apart' e Sami Zayn também vem ao ringue.

Um vídeo detalhando a rivalidade dos dois é exibido.

› One on One: Falls Count Anywhere Match - New Gen Ricochet vs. Sami Zayn

- (25:00) Depois deles irem lutar no meio da rua, o combate tem o seu fim após Sami Zayn aplicar um Helluva Kick em Ricochet que estava escorado em um carro.

Vencedor: Sami Zayn

Nos bastidores, Christian está sentado em seu novo locker room, Leonardo aparece o aplaudindo, mas logo para quando percebe seu novo protegido um pouco irritado.

Leonardo: Parabéns, vencer é vencer. Você agora está com os grandes... Mas não entendo, agora você está no topo e ainda sim parece que está com os perdedores.

Christian: Sim, eu venci, mas tive que usar meios estúpidos pra vencer só pra agradar você. Parece que "sua equipe" só pode ser formada por idiotas de segunda que fazem o que te agrada e isso não é pra mim.

Leonardo: Você realmente quer se provar? Pra que essa necessidade tão grande em fingir que se importa com o público?

Christian fica mais irritado se levanta e fica cara a cara com o GM.

Christian: Eu não quero me provar, eu apenas quero alguma chance. Você só ajuda seus amiguinhos, e agora eu estou aqui. Cadê sua ajuda? Não quero juiz ao meu favor ou qualquer uma dessas merdas dos anos 80 que você faz pra New Gen, eu quero uma chance!

O GM anda de um lado para o outro enquanto Christian reclama em seu ouvido, e resolve fazer uma proposta.

Leonardo: Tudo bem, você quer uma chance? Vai ter. Teremos um combate no HOWniversary, não sei o que ele valerá porque irei conversar com algumas pessoas, mas você está nele. É pegar ou largar.

Leonardo estende a mão e Christian pensa um pouco, mas logo a aperta e sorri. Nisso, Ricochet aparece frustrado e tenta falar com Leonardo, mas esse diz que "agora não" e vai embora, então ele fica encarando Christian que apenas deita no banco e o manda ir embora.

Comerciais...

De volta ao show, Randy Orton e Seth Rollins estão se preparando para o combate, até que Karl Anderson aparece para confrontá-los.

Anderson: Vocês me deixaram sozinho naquele show, eu apanhei para Shibata, fui humilhado e ninguém fez nada! Pensei que pelo menos estivessem afim de defender esses cinturões.
Os dois não dão atenção e continuam treinando, mas Anderson menciona que eles não teriam nada disso se ele não tivesse dado a ideia, o que irrita ambos.

Orton: Você pode ter tido a ideia, mas se não aceitássemos, você seria ainda o peso morto de uma Stable morta. Não faça esse tipo de comentário estúpido, eu poderia ter ficado lá, confortável em meu posto de Main Eventer, mas não, vim para cá porque confiei em você. Mas agora, você se parece com eles, com cada um que anda aqui nesse show. A Mount Rushmore é pra ser algo além, melhor... Mas você ainda acha que está na S.E.S onde precisa tentar salvar os outros. E sinceramente, antes de salvar alguém, salve a sua carreira.

Orton vai embora enquanto Anderson fica o xingando. Rollins apenas observa enquanto isso. Anderson então vai para o seu lado.

Anderson: Deveríamos chutar esse cara. Nós dois poderíamos ser imbatíveis.

Rollins pensa um pouco, mas logo rejeita.

Rollins:
Estamos bem em trio, você querendo ou não. Não somos amigos, somos associados, assim que isso se for - ele mostra o cinturão -, acabou. Mas se você quer ir para o grupo dos mal aproveitados, ou pior, voltar para o RAGE... A saída é ali. Agora para de se revoltar por nada, porque Shibata, Reigns e Jericho terão o que merecem, já tenho algumas ideias.

Rollins se afasta e Anderson vai atrás.

Indo para o ringue, toca 'Evil Ways' e AJ Styles vem ao ringue com um pop monstruoso.

Logo depois, toca 'Rebel Son' e Wade Barrett vem logo em seguida com seu cinturão.

Barrett e Styles se encaram por um tempo, Wade oferece um aperto de mão e AJ aceita, mas logo desfaz e volta para o seu lado do ringue.

Vamos ao combate!

› One on One - HOW Intercontinental Championship Match - Wade Barrett (c) vs. Bullet Club AJ Styles

- (9:00) Os dois estavam começando a esquentar o combate. AJ conseguiu reverter um Clothesline em um Pelé Kick, porém antes de cair, Barrett o acerta com um Bull Hammer!

- (15:00) AJ consegue uma breve vantagem e consegue aplicar um Fireman's Carry Neckbreaker, Barrett se levanta desnorteado após isso e recebe um Enziguri na nuca! AJ faz a sua taunt e prepara um Styles Clash, porém é arremessado pra cima com um Back Body Drop. Barrett pega impulso nas cordas e tenta um Rolling Elbow, mas AJ consegue se jogar no chão bem no último instante, ele usa sua agilidade e faz um Snap German Suplex! Ele vai para a Apron e se prepara para um Phenomenal Forearm, mas 'Coming Home' toca e Edge aparece na rampa, ele corre para o ringue e fica encarando AJ na Apron, mas ele acerta Barrett com um Big Boot, encerrando combate.

Vencedor: Wade Barrett, por desqualificação.

Barrett continua com o cinturão, AJ se irrita sabendo que Edge fez isso só para irritá-lo. Ele tenta entrar no ringue, mas Edge o acerta no rosto e pega impulso nas cordas e aplica um Spear, com os dois caindo fora do ringue! Edge levanta seu adversário e o joga na barricada com força com um Powerbomb. Ele olha para o ringue e vê Barrett se levantando com dificuldade e procurando seu belt, então ele vai para o ringue e se posiciona no Corner e aplica um Spear no campeão!

Edge fica gritando com o público enquanto os seus adversários ficam caídos dentro e fora do ringue, então ele pega o Intercontinental Championship e diz que ele só precisou de uma oportunidade. Edge coloca o cinturão no ombro e vai embora para os bastidores com ele.

Nos bastidores, Renee Young se aproxima de Sami Zayn após sua grande vitória e o pergunta qual o seu próximo passo e ele diz que por enquanto chega de New Gen, ele irá focar em tentar disputar algum cinturão.

Comerciais...

De volta ao show, Edge está nos bastidores com o Intercontinental Championship. JoJo volta a chamá-lo.

JoJo: Edge, com licença de novo. Você acabou de atacar o campeão e o desafiante, e agora pegou o cinturão dele. Você está se colocando no combate pelo cinturão?

Edge: Não, é que eu sou fã do Takahashi, fiz isso por ele. - Edge fica em silêncio por um tempo - É claro que tô me colocando no combate, eu fui roubado! Eu estou apenas retribuindo o favor. Mas no HOWniversary, Styles ou Barrett, tanto faz, pois a única pessoa que ficará em pé naquele ringue será o Rated-R Supertar! Agora, se me der licença, meus amigos irão lutar, preciso assisti-los.

Nisso, a câmera corta para o ringue onde toca 'Young' e a Mount Rushmore vem ao ringue sob uma chuva de vaias.

Um resumo do segment explicando que se Galloway e Dunne perderem, Dunne também não poderá ser contender pelo cinturão é exibido.

Nisso, toca 'Savages' e Pete Dunne aparece com uma enorme pop. Ele para na rampa e provoca a Mount Rushmore. Logo depois toca 'Broken Dreams' e Drew Galloway aparece.

Os dois se olham e correm para o ringue, mas só Karl Anderson fica no ringue, ele encara os dois frente a frente, mas logo o referee separa os 3.

Vamos a match!

MAIN EVENT

› 2 on 3 Handicap Match - Drew Galloway e Pete Dunne vs. Mount Rushmore (Karl Anderson, Randy Orton & Seth Rollins)


- (26:12) O combate estava acirrado em seus momentos finais, até os três membros da MR irem pra cima de Galloway fora do ringue, Dunne tenta intervir, mas Anderson o joga na steel steps! Randy Orton joga Drew Galloway no ringue e faz um Backbreaker, ele se posiciona no Corner e faz a taunt do Punt Kick, mas Karl Anderson sobe na apron e bate nas suas costas e faz a tag, o que resulta em uma briga entre ambos. Rollins entra no ringue e tenta separar, mas logo recebe um empurrão de Anderson, ele tenta revidar, mas Pete Dunne entra no ringue e o joga para fora! Randy Orton vai para cima dele, mas Galloway se levanta e aplica um Future Shock nele!

Anderson fica com medo e rola para fora do ringue, mas os dois vão atrás dele. Dunne consegue pegá-lo e o joga em cima da Table com um X-Plex! Ele o joga para dentro do ringue e entra para fazer a contagem, mas 'SuperHuman' toca e Baron Corbin aparece na rampa de entrada! Ele e Galloway ficam parado encarando Corbin que desce lentamente para a rampa, mas eles não contavam que Randy Orton aplicasse um RKO em Galloway fora do ringue! Dunne tenta reagir, mas quando vê, Rollins o prende em um Pedigree! Anderson se arrasta e faz a contagem para a vitória.

Vencedores: Mount Rushmore

Karl Anderson se levanta com dificuldades e comemora no ringue, ele vai abraçar seus parceiros, mas ele se afastam e vão embora. Anderson então comemora sozinho no ringue enquanto a câmera se afasta para encerrar o show.

FIM DE SHOW


▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬

✕ HOW NETWORK: The Talk Unlocked (Highlights)


➨ Leonardo está feliz nos bastidores, Renne se aproxima e pergunta o motivo dele ajudar a Mount Rushmore sendo que ele os odeia. Leonardo diz que mesmo os odiando, essa noite eles partilhavam um desafeto em comum, e quanto menos gente na rota do HOW Championship, é melhor para os negócios.
➨ Pete Dunne e Drew Galloway estão irritados dentro do ringue após o combate, eles fazem uma promo revoltados com a administração de Leonardo e logo após isso, eles vão embora sem mais palavras nos bastidores.

➨ Cesaro se recupera do ataque e diz que vai ter volta.

➨ Ricochet diz para Leonardo que não gostou da forma que superestimou Christian, então ele diz que também quer uma oportunidade, afinal ele é seu braço direito faz tempo. Leonardo diz que irá ver o que arruma.

➨ Finn Bálor assiste ao final do Unlocked no galpão da BC. Ele parece bem satisfeito, então ele se levanta e diz que "agora é a sua vez".

Jeferson Nunes: Colaborador do site, cuida de algumas notícias e é um dos responsáveis pelo HOW Universe.