Cobertura: NXT TakeOver "Philadelphia" - ''A historic battle" - House of Wrestling - O melhor do Wrestling!

Cobertura: NXT TakeOver "Philadelphia" - ''A historic battle"

Neste sábado, a WWE realiza diretamente do Wells Fargo Center, na Philadelphia, Pennsylvania, mais uma edição do NXT TakeOver, o TakeOver: Philadelphia.

Como grande destaque do show, teremos o NXT Champion, Andrade "Cien" Almas, colocando seu título em jogo contra Johnny Gargano, em sua primeira defesa. Almas, que já possui duas vitórias diretas sobre o desafiante, poderá alcançar a terceira e reter seu título? Ou veremos Gargano mais uma vez superando as expectativas e levando o título para a casa?

Após custar a vitória de Aleister Black no combate para determinar o desafiante pelo NXT Championship, Adam Cole estará frente ao mesmo, desta vez, em uma Extreme Rules Match. Será que veremos a Undisputed ERA vitoriosa mais uma vez? Ou Black manterá sua invencibilidade em TakeOver's e passará por cima do líder da facção?

Além disto, teremos Bobby Fish e Kile O'Reilly defendendo os NXT Tag Team Titles frente aos ex-campeões, os Authors of Pain; Ember Moon colocando o NXT Women's Championship frente a finalista do Mae Young Classic, Shayna Baszler; além de Velveteen Dream enfrentando Kassius Ohno. Quem levará a melhor?

Confira estes e outros destaques, neste sábado, à partir das 22h, horário de Brasília, aqui, na House of Wrestling!


Cobertura:

Pré-show:

O pré-show do NXT TakeOver "Philadelphia" começa com uma visão de fora do Wells Fargo Center. Já dentro da arena, Charly Caruso apresenta os integrantes do painel desta noite: Sam Roberts e Samoa Joe. 

Joe é questionado sobre como ele está se sentindo. Joe diz que o plantel da WWE tem sorte de ele não estar envolvido em nenhuma das festividades amanhã.

Sam diz que vários títulos podem mudar de mãos.

Joe diz que qualquer coisa pode acontecer. Ele conquistou o título em um evento ao vivo, então pode haver mudanças de título nesta noite.

Charly Caruso lembra que amanhã tem Royal Rumble Match e a primeira Women's Royal Rumble Match. Os integrantes da mesa falam sobre os dois combates.

Em seguida, Caruso passa a palavra para Renee Young e Corey Graves que estão na área de entrevistas. Eles vão apresentar os vencedores do NXT Year End Awards.

Passamos para as análises dos combates que integram o card do evento desta noite. O primeiro é o embate entre Aleister Black e Adam Cole em uma Extreme Rules Match.

Um vídeo sobre a rivalidade de ambos é exibido.

Vemos a The Undisputed Era chegando à arena hoje cedo.

Após o fim do vídeo, Charly Caruso pede a opinião de Sam Roberts e Samoa Joe.

Joe diz que ambos os homens têm calibre que são incomparáveis. Ele diz que Black tem background em kickboxing. A técnica das artes marciais é neutralizada e Adam Cole tem a experiência e o plano de jogo.

Sam diz que alguns esperam que Black tenha a vantagem. Sam menciona alguns dos combate que Adam teve em situações semelhantes.

Joe diz que a experiência ajudará, mas você não sabe o que acontecerá quando não tem regras.

Charly pergunta o que Black mencionou quando falou sobre expor as fraquezas de Adam Cole. Sam diz que não pensa que Adam tenha fraquezas.

Joe diz que encontrou ambos e a guerra começa antes de entrar no ringue e isso pode funcionar para o Black.

Sam aposta na vitória de Adam Cole. Charly pergunta se Fish ou O'Reilly iriam se envolver no combate. Joe diz que ele espera que isso aconteça e, se eles não estiverem lá fora, pode haver problemas dentro da Indisputed Era. Joe diz que ele acha que Cole tem o melhor plano para esta noite.

Caruso chama Renee Young e Corey Graves que vão apresentar o vencedor da categoria "Rivalidade do ano" do NXT Year End Awards. O vencedor é "Aleister Black vs. The Velveteen Dream".

Velveteen Dream aceita o prêmio e ele agradece a Deus porque Dream é o ponto mais próximo da luz que o NXT possui. Esta noite não é sobre a luz e a escuridão. Dream exige uma eliminatória de 30 segundos ou menos de Kassius Ohno. No final do dia, você vai dizer o nome dele.

Kayla Braxton está interagindo com o público do Wells Fargo Center.

O próximo prêmio está prestes a ser apresentado e voltamos com Renee e Corey. É hora de descobrir quem é o competidor masculino do ano. O vencedor é Aleister Black.

Black diz que ele começou a fazer algo diferente. Ele começou a fazer algo único que não era convencional. Ele diz que isso prova que o que ele fez foi certo.

Renee diz a Aleister que ele ganhou o Breakout Star of the Year.

Charly aborda os comentários de Velveteen Dream. Joe diz que Dream não precisa provar si mesmo. Isso foi capaz de fazer com que Ohno pensasse sobre o desafio. Ele acha que isso ajudará Dream. Joe diz que Dream poderia colocar um peixe vermelho para tirar Ohno de seu jogo.

Joe concorda que Black e Dream roubou o show no War Games. Se Dream não planejar adequadamente, Ohno pode vencer o combate.

Charly pede opiniões e Sam aposta Dream. Joe menciona o calibre de Ohno e ele pode tirar isso. Dream está se tornando um nome e o impulso que ele conseguiu poderia ajudá-lo com vitória.

É hora de falar sobre o combate pelo título de duplas do NXT.

Sam menciona o tempo que Fish e O'Reilly têm juntos, mas os Authors of Pain têm sido uma dupla forte desde que se formaram. Joe diz que nada mudará de ser os desafiadores. Eles derrubaram a porta e destruíram qualquer coisa que estavam em sua frente. A Undisputed Era são técnicos e eles sabem o que está por vir. Se você entrar em contato com os Authors of Pain, esses planos falham.

Charly menciona que a Undisputed Era disse que o Takeover é seu palco, então os Authors of Pain devem estar preocupados. Sam diz que os Authors of Pain provaram por um tempo.

Sam diz que a Undisputed Era tem a vantagem devido à sua experiência e eles poderiam passar por esse combate. Joe diz que seu intestino diz "Undisputed Era", mas os Authors of Pain têm Paul Ellering, que poderia dar a eles a vantagem.

Voltamos com Renee Young e Corey Graves que vão apresentar um novo prêmio.. Corey fala sobre a primeira Women's Royal Rumble Match da história e o número de mulheres no combate que estavam no NXT.

A vencedora da categoria de competidora feminina do ano é Asuka. Asuka é questionado sobre o que 2018 tem para ela. Ela diz a Royal Rumble Match. Ninguém está pronto para Asuka.

O próximo prêmio é para o Combate do Ano. O vencedor é Tyler Bate contra Pete Dunne no Takeover Chicago.

Tyler Bate aceita o prêmio. Renee pergunta a Tyler sobre o que ele fez no último ano. Tyler diz que é um prêmio de prestígio e ele agradece todos os fãs que votaram por eles. Ele diz que Pete Dunne é um dos melhores e espera voltar a fazer isso em 2018.

Pete Dunne se junta ao painel do pré-show. Ele tinha dois objetivos em 2017. Um deles era ganhar o título do Reino Unido e o outro era colocar a divisão do Reino Unido no mapa. Ele fez os dois.
Sam pergunta por que Tyler e ele se destacaram. Pete diz que eles trocaram os ombros.

Joe diz que Tyler e Pete se tornaram embaixadores da cena do Reino Unido. Pete diz que o título está ficando com ele e significa o mundo para ele.

Charly pergunta o que está por vir em 2018. Ele diz que continuará a colocar o Reino Unido no mapa e continuará a defender o título.

Sam pergunta a Pete quem ele quer enfrentar fora da divisão do Reino Unido. Pete diz todos e ele não se importaria de enfrentar Brock Lesnar.

Pete diz que Tyler é um grande concorrente e ele bateu Tyler duas vezes.

Nós vamos ao ringside com Mauro Ranallo e Percy Watson. Mauro menciona que Nigel está atrasado, então ele não estará no show esta noite.

Mauro e Percy falam sobre o card do show desta noite.

Um vídeo sobre o combate pelo NXT Women's Championship é exibido.

Charly pergunta sobre Shayna e se ela está pronta para o combate.

Sam diz que quer ver Shayna nesse combate, mas ela não tem muita experiência em ringue. Sam pergunta a Joe se o treino da MMA de Shayna a ajudou. Joe diz que é isso que a levou à dança. Joe diz que não pode esperar para ver quem ficar em pé quando elas colidirem.

Charly pergunta se o fato de elas nunca terem se enfrentado afetam as coisas. Joe diz que você não tem a sensação de estar lá com alguém até terem examinado. Joe diz que a experiência é um fator importante, mas Shayna, se ela pode ficar focada e usar seu trabalho de submissão, ela pode surpreender o mundo.

Sam menciona que Shayna não se importa de ser uma surpresa ou ferir pessoas. Joe diz que não arruinou nada porque as pessoas queriam o que ela fazia. Joe diz que Shayna vai ficar bem e Joe diz a Sam para rever suas palavras.

Charly pede previsões. Sam sente que Shayna vence nesta noite. Joe diz que a fisicalidade é um grande fator e ele acha que Shayna ganha esta noite.

Corey Graves e Renee Young estão no palco para apresentar o vencedor da categoria competidor geral do ano. A vencedora é Asuka.

Joe diz que Asuka é a fêmea mais dominante da WWE hoje e talvez na história. Sam diz que ela pode ser a mais dominante em geral.

Vemos Andrade Almas e Zelina Vega chegando à arena.

Vemos Johnny Gargano no vestiário se preparando para o combate desta noite.

É exibido um vídeo sobre o combate pelo NXT Championship entre Johnny Gargano e Andrade Cien Almas.

Sam diz que a história de Johnny é muito parecida com a de Andrade Almas. Ele estava perdendo combates e ele conseguiu uma luta pelo título e ganhou o título. Isso significa que pode ser uma boa noite para o Gargano. Joe diz que Gargano tem que acreditar hoje à noite e isso é um problema para Andrade Almas.

Zelina Vega aparece e ela pergunta se há um problema com o que aconteceu. Vega diz que há um homem desaparecido dos prêmios de fim de ano. O fato de que Almas não ganhou é ridículo. Vega chama os fãs de perdedores e ela diz que os perdedores votaram pelos perdedores. Zelina exige uma recontagem. Sam diz que Almas ganhou o título no final de 2017 e não teve um excelente 2017. Zelina diz que quer representar o cliente dela de maneira adequada. Ele deveria ter ganho todos os prêmios. Ela diz que eles são essa brand.

Sam pergunta por que os fãs não votaram por Almas. Vega lembra a Sam que os fãs são perdedores. Vega diz que ele manterá o título esta noite. Joe diz que se Almas ficar tranquilo, ele deve vencer. Vega diz a Joe o caminho certo para pronunciar tranquilo e ela diz que Almas é uma estrela maior do que Joe já foi. Vega diz que a família de Gargano não o ajudará e Almas derrotou Gargano duas vezes.

Charly pergunta se será difícil ganhar três vezes seguidas. Vega diz que Almas não vai perder esta noite. Vega diz que está guiando Almas e ele está confiante. Almas cuidará de Gargano.

Joe diz que ficar no topo do NXT é difícil por causa de quem é trazido para o NXT. Ele pergunta a Vega se eles têm um plano de longo prazo.

Vega diz que não seria tão bem sucedida se ela entregar sua estratégia. Eles vão mostrar a todos.

Sam pergunta se Zelina é tão defensiva porque não tem certeza de que ele vencerá.

Vega diz a Sam que terminou com ele e que Almas vai ganhar.

Fim de pré-show.


Main show:

E agora vamos ao show principal, onde começamos com um vídeo promovendo o evento e os combates da noite.

Já na arena, Percy Watson e Mauro Ranallo dão as boas-vindas, onde começaremos com o combate pelo NXT Tag Team Championship.

Os Authors of Pain vem ao ringue primeiro, acompanhados de Paul Ellering, seguidos pelos campeões.

NXT Tag Team Championship Match: The Undisputed ERA (Bobby Fish & Kyle O'Reilly) (c) vs. The Authors of Pain (Akam & Rezar)
- Após O'Reilly reverter um "Powerbomb" de Akam em um "Hurricanrana", o mesmo realizou um "Roll-up" em Akam para a vitória.
- Segunda defesa com sucesso.

É exibido um vídeo promovendo o Royal Rumble 2018, que será realizado amanhã.

Na platéia, são mostrados Raymond Rowe e Hanson, da War Machine, que assinaram com a empresa recentemente.

Em seguida, teremos o combate entre Velveteen Dream e Kassius Ohno.

Dream realiza sua entrada primeiro, seguido por Ohno.

Special Singles Match: Velveteen Dream vs. Kassius Ohno
- Dream venceu com um "Purple Rainmaker".

A seguir, Ember Moon colocará o NXT Women's Championship em jogo contra Shayna Baszler.

Um vídeo é exibido mostrando a rivalidade entre Moon e Baszler.

A desafiante faz sua entrada, seguida pela campeã.

NXT Women's Championship Match: Ember Moon (c) vs. Shayna Baszler
- Após trabalhar sobre o braço de Moon, Baszler tinha Moon em um "Armbar", mas, foi revertido em um "Craddle", para a vitória da campeã.
- Segunda defesa com sucesso.

Após o combate, desacreditada, enquanto Moon comemorava sua vitória na rampa, Baszler a atacou pelas costas e aplicou um "Triangle Choke", deixando a campeã estirada sob atendimento dos médicos.

Na platéia, para uma grande ovação do público na arena, Ricochet, a nova contratação da empresa, é exibido.

Um vídeo sobre a rivalidade entre Adam Cole e Aleister Black é exibido antes do combate.

Black vem ao ringue primeiro, seguido por Cole.

Extreme Rules Match: Aleister Black vs. Adam Cole
- Após Cole tentar ir para uma cadeirada, Black, em frações de segundos, aplicou um "Black Mass" para a vitória.

Para a surpresa de todos e grande ovação do público, EC3 é exibido e apresentado como a mais nova contratação da WWE.

E agora vamos ao aguardado evento principal entre Andrade "Cien" Almas e Johnny Gargano pelo NXT Championship, onde um vídeo é exibido mostrando a longa rivalidade de ambos.

O campeão realiza sua entrada primeiro, acompanhado por Zelina Vega, seguido pelo desafiante.

NXT Championship Match: Andrade "Cien" Almas c/ Zelina Vega (c) vs. Johnny Gargano
- Após aplicar um "Double Knee" enquanto Gargano estava encostado no corner fora do ringue, Almas arrastou o mesmo e aplicou um "Hammerlock DDT" vindo das cordas para a vitória.
- Primeira defesa com sucesso.

Após o combate, enquanto Almas e Vega se dirigiam aos bastidores, Gargano e sua esposa, Candice LeRae, saíram sob aplausos do público, mas, enquanto estavam na rampa, Tommaso Ciampa fez seu retorno e atacou Gargano com uma muleta.

O show sai do ar enquanto Ciampa encara Gargano estirado na rampa ao lado de Candice.


Fim de show.

Sobre / Contato / Publicidade / Disclaimer / Política de Privacidade / Press Release

online / Design por: Ericki Chites