HOW Fantasy - RAGE (12/01/2018) - Overcoming yourself is the key to success! - House of Wrestling - Tudo sobre Pro Wrestling

HOW Fantasy - RAGE (12/01/2018) - Overcoming yourself is the key to success!

House Of Wrestling realiza nesta sexta-feira mais um episódio do RAGE, direto do Allianz Park, SP.

Destaques:

- No último RAGE, o atual World Heavyweight Champion, Bobby Roode, atacou Kazuchika Okada violentamente, focando em seu braço e após o show confirmou que fez isso querendo tirar o ''Rain Maker'' do japonês. Neste show saberemos sobre o estado de Okada.

- Kevin Owens deixou o Atlas Championship após sair da HOW. Saberemos qual rumo o título tará nessa sexta.

- Bobby Fish após vencer seu adversário rapidamente, recebeu um recado de Pentagón Dark, onde o mesmo anunciou que estará presente no show para ter uma conversa cara-a-cara com Fish.

- Além disso, saberemos mais detalhes sobre o combate feminino, onde Mickie James e Lana possívelmente vão ter seu primeiro embate no show.

Isso e muito mais à partir das 20h00 (Horário de Brasília) aqui na House Of Wrestling!

Cobertura:


Show se inicia com uma grande explosão de fogos, na sequência as câmeras nos levam até a mesa de comentaristas que nos dão as boas-vindas.

Toca ''Walk Alone'' e o General Manager do RAGE, Batista, faz sua caminhada até o ringue.

Batista: HOWniversary está próximo, estamos chegando ao maior evento de entretenimento do mundo e algumas coisas precisam ser esclarecidas até lá. Semana passada Okada acabou lesionando um de seus braços após ser atacado por Bobby Roode, no main event de hoje eles voltarão a ficar cara-a-cara, mas com alguns seguranças em volta e Kazuchika irá falar mais sobre a lesão e dirá se estará apto para competir na próxima semana ou se estará deixando sua posição de #1 contender vaga. Além disso, Kevin Owens deixou a semana e o ATLAS Championship está vago, isso será resolvido hoje em uma Battle Royal para decidir o adversário de Chris Jericho no HOWniversary. 

Batista iria dar continuidade em seu discurso porém foi é interrompido pela música de Dalton Castle, que faz sua estréia hoje e obtém uma reação mista do público e fica na rampa de entrada.

Dalton Castle: Ouvi que hoje teremos uma Battle Royal para saber um dos desafiantes ao ATLAS Championship porque o antigo dono do título vazou... Interessante, Batista. Eu gosto de desafios, eu detestos pessoas que fogem de suas obrigações e foi isso que Kevin Owens fez, deu às costas ao título, à você, à empresa e fugiu de sua obrigação, foi covarde. Você não pode cometer esse erro novamente, você precisa escolher à dedo os participantes para garantir que o próximo campeão não irá abandoná-lo sem mais nem menos. Eu tenho uma sugestâo, coloque-me nessa Battle Royal, estrear com um combate importante assim seria uma ótima forma de testar sua nova aquisição, não é?!

Batista: Dalton, ainda não lhe conheço muito bem, mas vejo que você tem um enorme dom com o microfone em mãos, se tiver o mesmo talento dentro do ringue, vejo seu futuro com bons olhos. Você me convenceu, você será um dos participantes que irão estar no Battle Royal de logo mais. 

Após a promo, Castle fica sorrindo por ter sido anunciado para o combate e vamos para os bastidores.

Vemos Zack Sabre Jr. caminhando pelos corredores, aparece ''à seguir...'' escrito no canto inferior esquerdo da tela e vamos para os comerciais...

Comerciais...

Na volta dos comerciais, toca ''Sweet Dreams Funk'' e Zack vem para o ringue com um bom pop;

Na sequência toca ''The Time is Now'' e Davey Richard aparece na rampa, com uma cara bastante fechada e caminha até o ringue.

Singles Match: Zack Sabre Jr. vs. Davey Richards
(17:53) Zack Sabre tentou de várias formas encaixar seu estilo técnico durante o combate, mas Davey com uma certa facilidade conseguia bloquear suas tentativas, Zack então precisou achar um novo jeito de atingir Davey e partiu para vários socos e chutes, minando Davey. Mesmo com essas tentativas, Davey mostrou resistência e passou a dominar o combate, usando alguns golpes violentos e finalizou o combate com um ''DR Driver''.

Após o combate, Dasvey Richards fica sentado por um tempo no ringue, ele olha para o lado e estende a mão e logo um funcionário o entrega um microfone. Ele então se ajeita, respira fundo e começa a falar enquanto olha para cima.

DR: Por muito tempo eu fugi. Fugi de uma pessoa na qual eu tinha muito medo, pois caso eu a deixasse se aproximar, ela tomaria o controle. Eu lutei muito contra ela, e tudo foi ficando mais intenso quando eu estava em rivalidade com Kevin Owens... Deus - ou seja lá o quê - sabe o quanto eu lutei. Mas aí chegou um dia, sempre chega um dia... Eu perdi a primeira batalha, e isso refere ao meu cinturão, que voltou para Kevin Owens. Mas eu, como sabem, sou um soldado, então eu sempre repeti o mesmo mantra estúpido - Davey respira fundo -, que era "A batalha está perdida, mas a Guerra está longe de acabar", e isso aproximou o meu medo mais ainda. Então veio ela, a segunda derrota, e essa infelizmente foi algo que estava acima do meu limite: Pentagón Dark, senhoras e senhores. Eu o subestimei, fui para esse combate como se fosse algo simples, e então eu servindo como pano de chão nesse mesmo ringue. -Davey aponta para um canto qualquer do ringue - Eu lembro de quando estava caído ali tentando me recuperar, mas Pentagón não parava de me golpear. Foi uma grande surra, talvez a maior que tomei na minha vida.

Davey para por um tempo e toma um ar, mas logo retoma.

DR: Depois do Slammy Awards, eu respirei fundo, pensei em focar novamente no meu ATLAS Championship, mas eu não conseguia, porque 'aquela pessoa' se aproximou. Até agora vocês não entenderam, né? Esse "medo" que eu tenho é de mim! Quando se fica muito tempo em um mundo desses, você precisa se tornar algo pior, e foi isso que eu fiz, e querendo ou não, tive muitos resultados. Mas aí Batista me procurou, eu consegui um emprego e tentei deixar esse outro cara preso... Mas não durou o tempo que queria. Ele queria sair, viu que eu mal tive conquistas e queria resolver esse problema. - Davey se levanta - E eu resolvi deixar acontecer, isso é quem talvez eu realmente sou. "Chega de máscaras. Chega de medo", eu disse. - O público solta um pequeno pop para Davey - Então, eu apareci, "um novo homem", alguns diriam, fui falar com Batista pedindo a minha rematch contra Kevin Owens... E então eu descobri que ele simplesmente foi embora e deixou seu cinturão. - O público vaia - Mas as coisas não vão ficar assim, eu quero um espaço no HOWniversary, e não quero participaçãozinha em Battle Royal. Eu vou estar nesse evento... - Davey olha Sabre Jr se recuperando - Nem que eu precise quebrar alguém.

Davey levanta Zack Sabre Jr que se recuperava apoiado no Corner, ele dá vários tapas na cara dele e então tenta aplicar mais um "DR Driver", mas as luzes da arena diminuem... E Drew Galloway aparece no telão para um grande pop do público. Richards solta ZSJ, que rola para a rampa de entrada.

Galloway: Calma, campeão. Você queria competição de verdade para o HOWniversary, eu estou aqui! Eu fiquei esperando alguém realmente interessante falar algo sobre "oportunidades" para eu aparecer, e parabéns, você chamou minha atenção. Eu saí do Unlocked por um motivo, e esse motivo é a falta de oportunidade. Cogitei ir para feds menores, menos horários, mais tempo livre, um tempo pra mim. Mas sabe como são as coisas, né? Batista me procurou, disse que eu seria alguém por aqui, disse que poderia provar que Leonardo perdeu muito quando aprontou tudo aquilo... E é isso que vou fazer! Davey, considere seu desafio aceito. Eu não tenho medo dessas histórias de vocês, eu enfrentei um suposto demônio como deve saber, e estou aqui, vivo te contando isso. Eu posso ter perdido, mas não sou homem de cometer o mesmo erro duas vezes. Então eu recomendo que você treine muito, e dê o seu melhor, porque assim como Pentagón, eu vou ser uma barreira que você não vai passar com facilidade.

Galloway pede para o câmera parar de filmar, mas ele se lembra de uma coisa.

Galloway: Ah sim, tem mais uma coisinha, não desliga ainda. Mostra 'aquela coisa'. - A câmera é tirada do seu tripé e esse câmeraman se revela ser na verdade, Pete Dunne! - Como eu ia dizendo, saibam que eu não vim sozinho.

Dunne arruma o seu cabelo e mostra que está com o contrato em mãos.

Dunne: Eu pensei em não assinar isso. Mudar de show depois de tudo que vivi no Unlocked... Coisas boas e ruins. Mas então eu vi esse combate, e vi como o RAGE precisa de wrestlers de alto nível. Zack, você é uma vergonha para a Inglaterra. Uma vergonha para o Wrestling, e por isso, eu quero algo diferente no HOWniversary... Quero enfrentar você! Galloway se apressou e pegou a melhor parte. - Galloway grita que não foi ele quem escolheu a ordem, então Dunne o manda ficar quieto - Como eu ia dizendo, ele ficou com a melhor parte, enquanto eu vou ter que enfrentar o que resta. Você deveria agradecer, pois esse será um combate lembrado, afinal, você vai ser o homem que será pinado por Pete Dunne em seu debut no RAGE. - A câmera foca em Sabre Jr, e ele parece estar irritado - Vamos, não fique assim, depois que eu te derrotar, pelo menos você vai poder falar que lutou em um evento  grande, as coisas não são tão cruéis assim. 

Dunne e Galloway começam a rir, logo após isso, Dunne assina o contrato e cortam a imagem. O segment se encerra com Sabre Jr indo para os bastidores revoltado enquanto Davey Richards está com um sorriso de canto de boca dentro do ringue.

comerciais...

De volta ao show, é confirmado davey Richards vs. Drew Galloway e Pete Dunne vs. Zack Sabre Jr para o HOWniversary.

Mickie James está conversando com JoJo.

JoJo: Mickie, você ganhou a oportunidade de ganhar o título feminino depois de muito tempo e se diz merecedora por ser parte da construção disso tudo. Por que o público deve esperar você vitoriosa na semana que vem?

Mickie James: Eu lutei muito, muito mesmo para que as mulheres viessem a ter o mesmo prestígio que os homens tem, para que quando entrassemos nesse ringue as pessoas não vissem apenas rostinhos bonitos e corpos trabalhados, se hoje o público é capaz de apoiar uma mulher pelo talento e não pela aparência muito se deve à mim e todas minhas adversárias deveriam demonstrar alguma gratidão por mim. Só que eu só recebo críticas delas, me chamam de velha, ultrapassada e coisas do gênero, se colocam no topo e esquecem da base que as mantém lá. Eu vou mostrar que de ultrapassada não tenho nada, posso ter idade avançada e o caralho que for, mas quando subo nesse ringue números só contam para a contagem de três e nada mais.

JoJo: A Lana semana passada disse que não via nada de mais em você, disse que gostaria de ver se você é realmente a revolucionária da divisão ou só mais uma faladora. Você tem algo a provar à ela?

Mickie James: Não, absolutamente não! Eu não tenho nada para provar, nem à você, nem a esse público tampouco à ela. Tudo que eu vou provar é o gosto de sangue das minhas adversárias, vou tirar cada gota de seus sangues na moda antiga, dando uma surra e com o sangue delas eu irei escrever a palavra ''revolução'' no centro do ringue. Eu sou sim a revolucionária, mas também sei usar o jeito antigo para derrotá-las, portanto não tragam seus filhos para o HOWniversary, eu não irei me responsabilizar pelo trauma que irei causar em suas mentes.

Mickie continua falando com Jojo, mas barulhos de passos são ouvidos e a câmera pega Lana vindo na direção de Mickie James com os seus cinturões. Ela pega o microfone de Jojo e a manda ir embora.

Lana: Você diz não ter nada a provar, mas não conseguiu sua vaga aqui por conta própria, você teve uma "mãozinha" de Paige para isso. Eu estou aqui desde sempre, fazendo o meu trabalho, sendo campeã! E você? Onde esteve além de andando com CM Punk? Não fez nada, você como muitas aqui é só hype. Seu nome não é nada pra esse show, estávamos bem sem você, mas é só a poderosa Mickie James voltar que pronto, parece que nunca existimos. -Lana se aproxima de Mickie - Eu não ligo pra sua história, pro que ganhou e nem o que pretende fazer. Seu objetivo no HOWniversary é ser violenta? O meu e o de todas as outras é vencer! Pode ficar com esse seu desejo ambíguo de "provar que não precisa se provar", enquanto nós, as verdadeiras wrestlers lutamos! E quando eu vencer e pegar de volta O MEU CINTURÃO, eu venho aqui e te pergunto de novo o que você fez de importante para esse show.

Mickie pede o microfone e Lana ameaça entregar para ela, mas o joga no chão e vai embora rindo.

As câmeras voltam para a arena e os competidores da Battle Royal já estão no ringue para o começo do combate.

Battle Royal: Dalton Castle vs. Damien Sandow vs. Goldberg vs. Jack Gallagher vs. Eddie Edwards vs. John Morrison vs. Sheamus
- (03:43) Dalton Castle com ajuda de Goldberg elimina Sheamus
- (05:23) Eddie Edwards elimina John Morrison
- (08:59) Damien Sandow é eliminado por Dalton Castle
- (11:45) Goldberg é eliminado por Jack Gallagher
- (14:34) Após Dalton Castle dominar Jack e aplicar seu finisher, ele joga Jack para fora e vence a Battle Royal.

Dalton Castle lutará contra Chris Jericho no HOWniversary, valendo o ATLAS Championship.

Comerciais...

De volta dos comerciais, Nikki Bella faz sua entrada com microfone em mãos.

Nikki Bella: Eu estou provando semana atrás de semana que sou a melhor wrestler dessa empresa, eu sou a melhor e suas vaias não vão mudar isso. -Nikki recebe as vaias com cara de deboche- E no final, quem recebe uma chance pelo título é aquela velha da Mickie James, que tudo o que fez até agora foi andar pra lá e pra cá com o CM Punk? -Ela sorri- É injusto, eu mereço mais que ela, eu mereço mais que qualquer uma nesta empresa, porque eu...

Nikki Bella é interrompida por Asuka, que fica na rampa.

Asuka: Nikki, eu não gosto de choro e você chora de mais. Você quer algum desafio, pois bem, você será minha adversária agora. Ah, e antes que eu esqueça, os caras para quem você dá nos bastidores não poderão te ajudar agora. -Público reage bem às palavras de Asuka- Então vamos para o que interessa.

Asuka se direciona até o ringue para o combate iniciar.

Singles Match: Nikki Bella vs. Asuka
- (13:42) Asuka focou no braço de Nikki durante boa parte do combate, mas quando recebeu um soco, Nikki rolou para fora do ringue e Asuka tentou ir atrás, porém o refeere ficou lhe segurando. Nikki então aproveitou a distração do refeere e pegou uma cadeira e deixou ao seu lado, quando Asuka se abaixou para puxar ela, a Bella aproveitou para aplicar uma cadeirada em Asuka e voltou ao ringue para aplicar seu ''Rat Attack'' e conseguir a vitória.

Nikki não chega a comemorar a vitória e pega o microfone.

Nikki Bella: Veremos quem irá chorar agora, vadia!

Comerciais...

De volta dos comerciais, Batista confirma que Asuka e Nikki Bella estarão se enfrentando no HOWniversary, em um combate sem desqualificação.

Vemos um vídeo mostrando que no Main Event de hoje teremos um novo ''Face to Face'' entre Bobby Roode e Kazuchika Okada.

Dois lutadores locais estão no ringue, na sequência The Rock e Will Ospreay fazem suas entradas.

Tag Team Match: The Rock & Will Ospreay vs. Lutadores Locais
- (04:42) Sem muitas dificuldades, Rock e Will vencem com um golpe combinado.

A dupla comemora e rapidamente se retira do ringue.

Vamos para a mesa dos comentaristas, que fazem uma recapitulação do ataque de Roode em Okada na semana passada e relembram que eles estarão no Main Event em um novo face-to-face.

Rock e Will estão nos bastidores caminhando, até que cruzam com Chris Jericho e Roman Reigns. Após segundos se encarando, eles dão as costas e vão embora.

Comerciais...

De volta dos comerciais, Kenny Omega faz sua entrada, seguido por Pentagón Dark.

Singles Match: Pentagón Dark vs. Kenny Omega
- (08:34) Pentagón faz o mesmo que Bobby Fish fez com seu adversário na semana passada, brinca com o mesmo e acaba perdendo o controle em descuidos por sua arrogância, mas logo volta a dominar e aplica um ''Penta Killer'' seguido de um ''Zero Mercy'' fazendo Omega desistir.

Após o combate, Pentagón fica de joelhos próximo a Omega, com uma expressão séria e pela leitura labial é possível entender que ele fala ''Ciero Medo''.

A theme song de Bobby Fish toca e este vem até o ringue com o público em uma enorme expectativa.

Bobby Fish está sorrindo, entra no ringue e pede um microfone.

Bobby Fish: Bom vê-lo de volta à ação, Pentagón. Oito dias nos separam do nosso terceiro e último combate, mas não se esqueça: Está dois a zero para mim. -Bobby Fish ri e Pentagón levanta os ombros irônicamente- É bom que você aproveite suas vitórias contra esses adversários de menor significância, porque quando subir novamente no ringue comigo, o placar ficará 3 a 0.

Pentagón Dark: Bem, Fish... Como um velho amigo, deveria me conhecer, não? Ameaças, tentativas de me intimidar são falhas, eu treinei muito, nos locais mais perversos e do mundo em que vivi, o medo nunca existiu. Eu lido com a dor, meu prazer são os ossos de vocês, meus adversários, quebrando. Você lida com verdades, eu lido com triunfos, você se acha o dono do que fala e eu sou o dono da dor.

Eles ficam se encarando por alguns instantes, chegando a ficar olho no olho, porém Bobby Fish se retira do ringue e Pentagón fica lhe observando.

A theme de Pentagón toca enquanto vamos para os comerciais.

Comerciais...

Um pequeno replay do ataque de Bobby Roode ao braço de Kazuchika Okada na última semana é exibido. O público vaiou durante toda a exibição.

Logo depois, toca 'Off the Chains' e o campeão, Bobby Roode vem ao ringue com um grande sorriso no rosto. Ele sobe no ringue e logo se depara com alguns seguranças ao redor do ringue. Ele dá outro sorriso e começa seu show de ofensas ao seu adversário.

Roode: Eu sei, eu fiz uma coisa que vocês não aprovam. Mas quando se é um homem de verdade, você faz coisas, e essas coisas podem ser boas ou ruins. Eu pessoalmente não ligo, eu queria provar o meu ponto: Okada não está disposto a fazer o necessário, ele não está disposto a lutar como um homem. E bem, isso lhe custou um braço. - O público vaia - Mas olhem o lado bom, ele ainda tem outro braço, correto? Ele pode usar ele pra me ver no HOWniversary pela TV, afinal ele terá o outro braço para mexer no controle. Ele também pode usar aqueles palitinho... Hashi? Nah, 'palitinhos' mesmo. Enfim, ele pode usar aqueles negócios pra comer enquanto me vê pela TV de casa também. O meu ponto é, como ele irá lutar se eu tirei o único move que ele sabe saber? A resposta é "Não, ele não vai lutar". 

O público grita o nome de Okada, e Roode começa a rir.

Roode: Vejam, ele nem apareceu. Está com medo de eu quebrar o outro braço dele, ou até uma perna dessa vez, mas essa seria só por diversão. - O público o vaia novamente - O que foi? Estão bravos comigo? Fiquem bravos com ele, não comigo. O ídolo de vocês fugiu, não vai aparecer não só porque o seu braço está ferido, e sim porque eu feri o ego dele. Okada é um ser arrogante, jogou na cara de todos que venceu uma Royal Rumble Match, mas o verdadeiro vencedor daquela noite, adivinhem quem foi? - Roode ergue seu cinturão - Exatamente, enquanto ele tinha que lutar com seis caras sem perspectiva, eu estava nos bastidores, comemorando a minha ilustre vitória em cima do algoz de meu suposto rival pro HOWniversary. 

Roode continua seu discurso, mas logo 'Rainmaker' toca e Kazuchika Okada aparece com o braço engessado. Ele desce lentmente pela rampa. Os seguranças abrem caminho e ele sobe na apron com dificuldades. Roode ironicamente vai até as ropes e as levantam para Okada entrar no ringue, mas esse dá a volta e entra no ringue pelo outro lado.

Eles se encaram por um tempo e o campeão volta a tomar a palavra.

Roode: Aqui está ele, senhoras e senhores! O Rainmaker! K-A-Z-U-C-H-I-K-

Okada pega o microfone de Roode, o que irrita o campeão.

Okada: Você me queria aqui, aqui estou, então pare com suas ironias e justificativas vazias e fale como um homem, ou então, podemos tentar resolver como semana passada.

Os seguranças já ficam a postos, mas Okada devolve o microfone para seu rival e ele continua falando.

Roode: Está sentindo dores, Okada? Você me parece um pouco irritado. Enfim, como ia dizendo antes de ser grosseiramente interrompido: Kazuchika Okada, senhoras e senhores! O vencedor da Royal Rumble Match e até então, ex-desafiante ao World Heavyweight Championship no HOWniversary. - O público vaia novamente - Como está o braço? Acha que conseguirá competir contra mim daqui há duas sem- Roode começa a rir - Desculpa, cara. É que eu imaginei você respondendo sim e no dia da Match você tentando aplicar um Rainmaker e o seu braço virando ao contrário, como eu fiz com ele na outra semana. Bons tempos.... Bons tempos. Porém, você não veio aqui só para me ver, e eu sei disso olhando para esses seus olhos asiáticos que parecem estar afim de me bater, mas obviamente você não pode. Então me diga, por que veio aqui?

Okada pega o microfone e o público o seu nome, ele acena para todos e começa a falar.

Okada: Você acertou em algumas coisas do que disse. Eu não estou apto para lutar realmente, fui em um doutor particular e ele disse que eu era louco de vir aqui hoje para falar com você, segundo ele, poderia acontecer a mesma coisa essa noite - Roode diz que ele pode estar certo -, então eu resolvi vir. Falei com Batista e ele disse que eu teria um direito de resposta, mas eu realmente serei breve. Roode, você machucou algo mais do que o meu braço sim, e realmente foi o meu ego, e não porque eu "não aceito perder" ou algo do tipo, é mais porque enquanto eu agonizava no chão, eu apenas pensava "Como eu deixei um cara patético como esse me derrubar? Será que ele se preparou, ou eu não achava que um homem que está na sombra do fundo do poço não seria capaz de se enterrar mais?", coisas assim.  Mas agora eu percebo, você não fez isso porque foi necessário. Você diz que fez porque quis, mas está explícito na sua cara que você estava com medo de falar, da mesma forma que você falhou duas vezes contra Mike Bennett. E você sabe, eu não sou Bennett, eu não venho aqui espalhar o amor, eu venho aqui mostrar toda vez  porque eu sou o melhor do mundo. - Roode se irrita - O "grande campeão" sabe que não tem segundas chances quando o assunto é Kazuchika Okada. Não importa quantos Rainmakers eu tenha que dar no meu adversário, eu só paro quando eu tenho certeza que ele ficará no chão, e só relaxo depois que ouço o "1,2,3" nesse tablado.

Okada para um pouco porque o público não o deixa continuar falando, e isso deixa Roode possesso. Depois que o público se cala, ele continua.

Okada:  Eu não vou ficar em casa te olhando vencer por W.O ou sei lá qual porra de desculpa vão ouvir. Eles vão lá para ver 'The Glorious One vs. The Rainmaker', e eles vão ver! - O público aplaude de pé - Eu vim aqui para mostrar que não tenho medo de você, se você quiser que esse combate não aconteça, você terá que quebrar meus braços, minhas pernas e minha espinha! Eu vou lutar pelo meu cinturão, vou atrás de vingança e vou fazer tudo isso em dobro porque como você mesmo disse, eu sou arrogante. Arrogante o suficiente para não aguentar que um homem como você, que tem medo de um simples golpe fique com o cinturão que deve mostrar ao mundo o que a HOW presenta!

Okada larga o microfone e dá um tapinha no belt de Roode, então ele se vira para ir embora, mas Roode acerta sua nuca com o cinturão! Ele então pisa no outro braço de Okada e grita que se alguém entrar no ringue, ele irá quebrá-lo. Roode pega o microfone e começa a rir.

Roode: Então você não vai aparecer se eu te quebrar todo? Que péssima escolhas de palavras, amigo. Infelizmente, eu vou ter que te deixar com os dois braços inutilizaveis - o público vaia -, mas como TODOS ouviram, ele que sugeriu isso.

Roode então começa a pisar no outro braço de Okada e começa a rir. O público vaia com força, mas parece que isso alimenta mais a agressividade do campeão e ele continua pisando com mais força. Ele então levanta o campeão lentamente e faz um Wrist Lock no braço que ele focou e logo depois faz um movimento rápido que joga seu adversário com força contra o chão! Roode grita que vai acabar com isso e então levanta Okada para tentar um Glorious DDT... Mas Okada consegue se recuperar e aplica um Rainmaker no campeão usando o braço engessado!

Os dois acabam caindo, mas Roode com dificuldades rola para fora do ringue, e isso deixa Okada irritado, mas logo ele percebe que o cinturão de Bobby ficou no ringue, então ele fica de joelhos e pega o cinturão e o mostra para o campeão que mesmo um pouco abatido, tenta voltar ao ringue, mas os seguranças o seguram para evitar uma nova confusão. Então, Okada se levanta com um pouco de dificuldade e posa com o título enquanto seu adversário fica irritado, encerrando o show.

Fim do Show.


Visite: HOWFantasy.com


Sobre / Contato / Publicidade / Disclaimer / Política de Privacidade

online / Design por: Ericki Chites