Last 12 #22 - O ano do "Switchblade"

Last 12 #22 - O ano do "Switchblade"

Sejam bem-vindos a mais edição do Last 12. Para hoje, eu irei falar um pouco sobre uma das grandes atrações da NJPW atualmente, Jay White.

Retorno á New Japan

O neozelandês, que já tinha atuado na New Japan Pro-Wrestling no passado, voltou á empresa durante o Power Struggle, em novembro. Nos meses antes, várias vinhetas sobre um tal de “Switchblade” tinha sido mostradas, se revelando como Jay White no referido evento. Ele acabou desafiando Hiroshi Tanahashi para uma luta no Wrestle Kingdom 12 valendo o IWGP Intercontinental Championship e, após isso, o atacou. A match acabou sendo confirmada e, no mega evento, White acabou perdendo.

No dia seguinte, durante o New Year Dash, Kenny Omega apresentou o “Switchblade” como novo membro da Bullet Club em forma de voltar a unir o grupo. No entanto, White acabou por o atacar com um “Blade Runner”, negando a sua entrada na stable. 24 horas depois, Kazuchika Okada o apresentaria como novo membro da CHAOS durante um conferência. Todos esses acontecimentos levaram a um combate entre Omega e White no New Beginning in Sapporo, onde o IWGP United States Heavyweight Title estaria em jogo. O neozelandês acabou mesmo por vencer o cinturão e se tornando o segundo campeão na história.

Jay White com o IWGP United States Heavyweight Championship no ombro
A primeira defesa do seu reinado foi contra Hangman Page no Strong Style Evolved, onde se manteve como campeão. No Road to Wrestling Dontaku, seria a vez de David Finlay tentar conquistar o título, porém não teria sucesso. No ROH/NJPW War of the Worlds, ele teria a terceira defesa bem sucedida contra Punishment Martínez. Cerca de um mês depois, ele participaria em uma Tag Team Match no Dominion, onde acabaria por sofrer o pin para Juice Robinson. Isso levou a uma luta valendo o cinturão no G1 Special in San Francisco, onde Robinson acabou mesmo por se tornar campeão.

Atualmente, White está participando no G1 Climax, estando no Block B. Nas duas primeiras rodadas, ele conseguiu derrotar dois ex-campeões mundiais da empresa, sendo eles Okada e Tanahashi. Na passada sexta-feira, ele também conseguiu a vitória, sendo ele contra Michael Elgin , atingindo então a liderança do Block A com seis pontos.

Considerações finais

Não há dúvidas que Jay White melhorou imenso desde a sua primeira passagem pela empresa. Além disso, ele está sendo um dos principais destaques da empresas, já tendo derrotado alguns dos seus maiores nomes. Ele é indiscutivelmente um dos lutadores que mais merece a nossa atenção num futuro próximo, pois acredito que irá gerar grandes feitos.

Assim termino mais uma edição do quadro, espero que tenham gostado e que deixem o vosso voto nos comentários. Tenham uma boa semana e até à próxima.

Sobre / Contato / Publicidade / Disclaimer / Política de Privacidade / Press Release

online / Design por: Ericki Chites