Kane: Sob o fogo e constantes evoluções

Kane: Sob o fogo e constantes evoluções

Olá pessoas da House of Wrestling, tudo certo? Sou eu, Justt. Apesar de estar bem afastado do site nos últimos tempos, comparado aos anos anteriores, e do próprio wrestling em si, sempre tenho vontade de voltar a postar artigos aqui. Não me recordo muito bem, mas acredito que o último artigo que postei foi em 2016 (me corrijam se estiver errado). 

Mas o fato é, senhoras e senhores, eu estou de volta. E andei pesquisando alguns temas no reddit recentemente e, finalmente, acredito que encontrei o que eu esperava. Você já devem conhecer o site Pro Wrestling Stories, não é? Se não conhecem, deixarei um link no final dessa postagem. Bem, este site posta histórias dessa modalidade que tanto amamos, tanto na frente como atrás das cortinas. E o abordado da vez é Kane, o "Big Red Machine".

Confesso que nunca fui um grande fã de Kane, mas sempre admirei seu trabalho e a capacidade de se reinventar em mais de vinte anos com este personagem. O artigo original foi postado no PWStories e isto é apenas uma homenagem, não só ao lutador, mas como ao próprio site.

Divirtam-se.

Um dos segredos para a longevidade no wrestling é ter a capacidade de reinventar e Kane não é exceção a regra. Durante todo esse tempo, o "Devil's Favorite Demon" passou por mais mudanças de roupas do que a Lady Gaga em um concerto, algumas mais básicas, algumas drásticas, algumas para melhor e outras para pior.

Desde 1997, Kane tem sido peça importante na WWE e agora que seu alter-ego da vida real, Glenn Jacbos, foi eleito prefeito, parece que sua ilustre carreira está chegando ao fim, ao menos em tempo integral.

A ESTRÉIA DE KANE
Resultado de imagem para kane wwe 1997

Glenn Jacobs falhou com diversos personagens em seus dois primeiros anos com a WWE. Apesar de ser Mike Unabomb, Isaac Yankem D.D.S. e Fake Diesel, ele nunca conseguiu se conectar com o público. Talvez o tamanho e a habilidade de Jacobs tenham evitado uma demissão...até que Undertaker precisou de um novo oponente.

Antes de sua estréia como Kane, Paul Bearer passou meses dizeno que Undertaker havia matado sua família em um incêndio mas um de seus irmãos havia sobrevivido. Não contente em resolver esse atrito de família na justiça, ou em um episódio de Dr. Phil, Kane estava mirando no Phenom.

Antes de mesmo dos fogos explodirem em sua entrada pela primeira vez, Kane beneficiou-se da reputação que construíram para eles antes. A audiência soube que Kane era um piromaníaco que sofreu terríveis queimaduras e tinha cicatrizes tanto físicas como mentais devido ao ataque do seu irmão adolescente, The Undertaker. Era um mistério e a expectativa gerada em torno disso que fez sua estréia ser tão impactante. Com o que esse monstro se parece, se ele for real mesmo?

Essas questões foram respondidas no Badd Blood de 1997, quando Kane apareceu para todos pela primeira vez durante o combate entre Undertaker e Shawn Michaels na primeira Hell in a Cell Match da história. Ele, então, derrubou a porta da estrutura e aplicou um Tombstone Piledriver em seu irmão, fazendo história na WWE e deixando-o popular como um 'top guy' nos seus primeiros cinco minutos interpretando o personagem em frente às câmeras.

Originalmente, o plano era para Kane desparecer após a WrestleMania - que viria meses depois - mas os fãs gostaram tanto do personagem, principalmente pelo seu look, que a empresa não poderia fazer mais isso.

Parcialmente inspirada em Michael Myers, do filme Halloween, Kane se vestiu quase todo de vermelho em um maiô com uma das mangas cortadas e sem luvas em uma das mãos. Com chamas negras desenhadas em seu peito e descendo para as pernas, a impressão que nos dava era que apenas uma das partes do corpo sobreviveu ao incêndio. E claro, ele tinha sua máscara.

Desenhada pela S&M Company e feita de couro, a máscara de Kane mantinha o padrão de suas roupas. Com lentes de contato descoloridas, a face do monstro estava completa.

Jacobs alegou não ter tido muitos problemas com a máscara. Ele conseguia respirar bem e tudo, mas suas beiradas causaram um sangramento ao lutador em de seus combates, como comentou em um dos episódios do Talk is Jericho.

Kane era perfeitamente comerciável, visto que era tanto assustador como 'cool'. Talvez tão 'cool' que fez Glenn Jacobs pensar que o personagem deveria se parecer com um super-herói e não um doente mental, mas Vince McMahon achou que isso era perfeito. Até esse ponto, o "Chairman" estava tão interessado no personagem, creditando isso ao psicológico do personagem, que já pensava em como a face desfigurada do lutador poderia ser,

Então, essa é a primeira parte do artigo. Eu não sei quantas haverão, mas irei tentar trazer duas vezes por semana. Comentem se gostaram e o que pretendem ver no futuro, claro, envolvendo artigos. Até mais!

Sobre / Contato / Publicidade / Disclaimer / Política de Privacidade / Press Release

online / Design por: Ericki Chites