The Undertaker sobre a WWE: "Se ela afundasse, eu iria junto"

Resultado de imagem para undertaker broken skull sessions
The Undertaker foi o convidado na estréia de domingo à noite do programa Broken Skull Sessions de Steve Austin e estava falando ssobre variados assuntos, e um desses assuntos foi sobre sua lealdade a Vince McMahon e diz que eles começaram como empregado/empregador e isso se tornou uma boa amizade. Undertaker diz que Vince confiava muito nele nos aspectos criativos do personagem, apesar de ser uma criação de Vince.

O Deadman diz que sempre teve um bom relacionamento com Vince McMahon e é uma das razões pelas quais ele nunca deixou a empresa, mesmo nos anos mais difíceis.

"Era originalmente a visão criativa dele, mas ele me deu muita liberdade criativa com isso. Ele confiou em mim quando eu senti que precisava me transformar no 'The American Badass'", disse Undertaker. "Ele obviamente deve ter sentido isso também. Nós batemos cabeças e as coisas têm sido difíceis, mas no final do dia, nossa paixão é a mesma. Queremos lançar o melhor produto possível."

O "The Phenom" também disse que nunca se considerou um líder de vestiário, mas "meio que aconteceu" em certo sentido. Ele disse que estava lá para tudo, e Austin perguntou por que ele nunca deixou a empresa, mesmo quando poderia ter tido a chance de fazê-lo.

“Eu nunca esqueci quem me deu minha primeira oportunidade, e esse foi Vince. Provavelmente não é a decisão de negócios mais sólida, mas sou quem eu sou e se esse navio afundasse, eu iria afundar com ele. Mas eu sabia que acabaria saindo caso isso acontecesse".
Gosta da House of Wrestling? Também estamos no Instagram e Facebook, siga-nos por lá e receba nosso conteúdo direto na sua rede social.
Mais sobre The Undertaker |
Mais sobre WWE |